sicnot

Perfil

Cultura

O Tejo como cenário no arranque do Portugal Fashion

MANUEL DE ALMEIDA / Lusa

O rio Tejo foi esta quarta-feira cenário na apresentação das coleções de Pedro Pedro e Hibu, no arranque do Portugal Fashion em Lisboa, no dia em que foram também apresentadas as propostas de Storytailors, Alexandra Moura e Alves/Gonçalves.

Na apresentação da coleção de Pedro Pedro, no primeiro dia da 39.ª edição do Portugal Fashion, a passerelle montada no primeiro andar do Pavilhão de Portugal estendeu-se à varanda e o público teve o teleférico do Parque das Nações e o Tejo como cenário.

"Dune" [Duna], coleção apresentada durante a semana da moda de Milão, à margem do calendário oficial, é "uma livre adaptação ao universo David Lynch [realizador norte-americano]". A mulher para quem o designer de moda criou "Dune" (o nome de um dos filmes do realizador) tem, de acordo com Pedro Pedro, "um ar desconstruído e sofisticado" e veste peças em veludo, malhas, tweeds de linho, viscose, sedas e algodões, nos quais o bege é tom dominante - a remeter para a areia -, mas há também espaço para o rosa, o amarelo e o azul em contraste com preto.

Também a coleção da HIBU, de Marta Gonçalves, apresentada no âmbito do Bloom (plataforma dedicada aos novos talentos) teve direito ao Tejo como cenário.

As silhuetas unissexo, que definem a marca, continuam presentes nesta coleção, inspirada "numa cidade fantasma no meio do deserto de Mojave, escondida e abandonada entre crateras vulcânicas, salinas e uma imensidão de aridez solitária".

As roupas da HIBU para a próxima estação quente são em algodão, ganga, malha e sarja e em tons que vão do preto e azul-escuro ao bege, passando pelo vermelho.

Antes destas duas coleções, e abrir o dia, pelas 18:30, esteve a dupla Storytailors, de João Branco e Luís Sanchez, que hoje 'contaram' o capítulo II de "Alexithyma".

Nesta coleção, "a arte aliou-se à tecnologia para dar forma à maioria das peças através do minucioso corte laser, seguindo-se uma cuidadosa montagem". Algumas, saias, tops e casacos pareciam autênticas construções nas quais as várias peças eram unidas por rebites dourados.

Nos materiais, os Storytailors optaram por, entre outros, cortiça, algodão, cetim e tule, "matérias-primas tradicionais portuguesas e materiais e acabamentos tecnológicos".

Depois de Pedro Pedro e HIBU, foi a vez de Alexandra Moura apresentar "I'be got my eyes on you" [Tenho os meus olhos em ti], coleção na qual explora "o universo da joia vitoriana 'lover's eye'", peças que a designer de moda reinterpretou e surgiu como bordado em tule ou em camisolas de algodão.

Mais uma vez, Alexandra Moura criou silhuetas volumosas e 'oversized' [tamanhos grandes], com muitos laços e folhos. Nesta coleção peças de um estilo mais "confortável e urbano", em ganga e algodão, conjugam-se com "malhas com texturas sofisticadas e tules". Peças com um padrão 'jacquard' com motivos florais, misturaram-se com o azul da ganga, o preto e o verde esmeralda.

As honras de encerrar o primeiro dia da 39.ª edição do Portugal Fashion couberam à dupla Alves/Gonçalves, com uma coleção que "teve a caminha como ponto de partida".

A dupla surpreendeu alguns dos seus clientes fiéis, com um estilo clássico, com tecidos com revestimentos técnicos, "visando uma nova abordagem a favor de um vestuário moderno, sensual, rumando ao futuro".

Na coleção dos 'Manéis' para a próxima estação, as peças em preto conjugam-se com outras com padrões, "ora de inspiração botânica ora geométrica". A coleção foi completada com cintos e fivelas de metal e botas de cano alto, "numa vertente 'street' [de rua]".

Sentada na primeira fila, uma senhora questionava-se se o desfile ao qual assistia seria mesmo de Manuel Alves e José Manuel Gonçalves.

O Portugal Fashion continua na quinta-feira no Porto, onde decorre até sábado.

Lusa

  • Luís Pina indiciado por quatro crimes de tentativa de homicídio
    2:24
  • Ministro "mais descansado" com relatório sobre Almaraz, ambientalistas contestam
    2:01

    País

    O ministro do Ambiente diz estar mais descansado depois de conhecer o relatório técnico que considera o armazém de resíduos nucleares em Almaraz uma solução adequada. Já as associações ambientalistas e os partidos criticam o parecer positivo à construção e querem ouvir os ministros do Ambiente e dos Negócios Estrangeiros no Parlamento.

  • Marcelo recebido por multidão na Ovibeja
    2:52
  • Líderes europeus unidos para iniciar saída do Reino Unido
    2:08
  • 100 dias de Trump em 04'30''
    4:33

    Pequenas grandes histórias

    Donald Trump tomou posse como 45º Presidente dos EUA dia 20 de janeiro de 2017, faz este sábado, 100 dias. Prometeu grandes mudanças, mas os planos acabaram por chocar de frente com a realidade e a burocracia de Washington, como foi o caso do Obamacare. Foi a primeira ordem executiva que assinou, no dia em que tomou posse, mas a revogação está longe de acontecer.