sicnot

Perfil

Cultura

"Lídia Jorge conheceu o antigamente e começou a escrever no novamente"

"Lídia Jorge conheceu o antigamente e começou a escrever no novamente"

Lídia Jorge foi esta terça-feira a convidada de mais uma edição do programa "Escritores no Palácio de Belém". Ao longo de cerca de uma hora, a escritora conversou com alunos do secundário, a quem contou experiências pessoais que a inspiram a escrever. Com o primeiro livro publicado em 1980, Lídia Jorge falou sobre a experiência de ter vivido no Portugal antes e depois da Revolução, sobre a forma como evoluiu o papel da mulher e como isso marcou a sua obra. O Presidente da República sublinhou o facto de a escritora pertencer a uma geração que tem memória do passado.

  • "Sou acusado de falar vezes demais"
    0:57

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa diz que vive num tempo diferente de outros Presidentes e é isso que explica o facto de falar mais vezes e estar mais presente do que outros Chefes de Estado.

  • Fuga de Vale de Judeus em junho de 1975 no Perdidos e Achados
    0:36

    Perdidos e Achados

    Prisão Vale de Judeus, final de tarde de domingo, dia 29 de junho de 1975. O plano da fuga terá sido desenhado por uma vintena de homens. Serrada a presiana metálica era preciso passar, para fora do edifício, as cabeceiras dos beliches onde os presos dormiam. Ao longo de cerca de uma hora 89 detidos, agentes da PIDE/DGS, a Polícia Internacional e de Defesa do Estado português extinta depois da revolução de 1974, fogem do estabelecimento prisional.

    Segunda-feira no Jornal da Noite