sicnot

Perfil

Cultura

Polícia angolana à porta dos cinemas para impedir menores em "As cinquenta sombras mais negras"

As autoridades angolanas estão a considerar seriamente colocar polícias à porta dos cinemas para impedir a entrada de menores para o filme "As cinquenta sombras mais negras".

Em comunicado, o Ministério da Cultura de Angola faz saber que "está a desenvolver esforços com instituições competentes, como a Polícia Nacional, para o devido acompanhamento (...) o Ministério da Cultura solicita aos agentes do sector da distribuição e exibição a tomarem medidas no sentido de inserir os filmes com conteúdo erótico ou pornográfico em horários adequados, devendo ser impedida a entrada de menores em tais sessões".

A trilogia "As cinquenta sombras", escrita pela autora britânica E. L. James, chegou ao cinema em 2015. A realização é de James Foley que também já está a finalizar "Cinquenta sombras - Livre", filme baseado no último livro da trilogia e que deverá chegar aos cinemas em 2018.

Do elenco de "As cinquenta sombras mais negras" fazem parte, além de Dakota Johnson e Jamie Dornan nos papéis principais, atores como Bruce Altman, Kim Basinger, Rita Ora, Eric Johnson ou Luke Grimes.

Em Angola, o filme está classificado para maiores de 16 anos, mas o Ministério da cultura apela "aos pais e encarregados de educação a reforçarem a sensibilização para os valores morais e cívicos e estarem atentos aos passos dados pelos filhos menores, sobretudo em saídas não acompanhadas por adultos.

Está em exibição desde 9 de fevereiro com sessões à tarde em duas redes de salas de cinema. Uma delas, a Zap filmes, é propriedade de Isabel dos Santos, filha do Presidente e uma das mulheres mais ricas de África.

  • O dia que roubou dezenas de vidas em Pedrógrão Grande
    3:47
  • Morreu Miguel Beleza

    País

    Miguel Beleza, economista e antigo ministro das Finanças, morreu esta quinta-feira de paragem cardio-respiratória aos 67 anos.

  • "Estamos a ficar sem espaço. Está na hora de explorar outros sistemas solares"

    Mundo

    O físico e cientista britânico Stephen Hawking revelou alguns dos seus desejos para um novo plano de expansão espacial. Hawking está em Trondheim, na Noruega, para participar no Starmus Festival que promove a cultura científica. E foi lá que o físico admitiu que a população mundial está a ficar sem espaço na Terra e que "os únicos lugares disponíveis para irmos estão noutros planetas, noutros universos".

    SIC

  • Não posso usar calções... visto saias

    Mundo

    Perante a proibição de usar calções no emprego, um grupo de motoristas franceses adotou uma nova moda para combater o calor. Os trabalhadores decidiram trocar as calças por saias, visto que a peça de roupa é permitida no uniforme da empresa para a qual trabalham.

  • De refugiada a modelo: a história de Mari Malek

    Mundo

    Mari Malek chegou aos Estados Unidos da América quando era ainda uma criança. Chegada do Sudão do Sul, a menina era uma refugiada à procura de um futuro melhor, num país que não era o seu. Agora, anos depois, Mari Malek é modelo, DJ e atriz, e vive em Nova Iorque. Fundou uma organização sediada no país onde nasceu voltada para as crianças que passam por dificuldade, como também ela passou.