sicnot

Perfil

Cultura

Cantora inglesa Vera Lynn comemora 100 anos com lançamento de disco

A cantora inglesa Vera Lynn faz esta segunda-feira 100 anos. Para assinalar a data, foi projetado um retrato e uma mensagem de parabéns, de grande dimensões nas "white cliffs of dover", falésias simbólicas para o Reino Unido. Vera Lynn foi a cantora que que confortou os militares britânicos na Segunda Guerra Mundial com a sua voz.

Como forma de comemorar o centenário, a cantora lançou o disco "Vera Lynn 100", com colaborações e novos arranjos de orquestra.

A cantora detém o recorde de artista com mais idade a atingir o número 1 da tabela de vendas com o best of que lançou aos 92 anos.

  • Ed Sheeran lança novo álbum
    0:47

    Cultura

    Ed Sheeran lançou esta sexta-feira o terceiro álbum chamado "Divide". "Castle on the Hill" e "Shape of You" foram os singles de avanço do disco editado três anos depois de "Multiply", que valeu ao músico britânico dois grammys, para melhor música e melhor performance a solo. O cantor e produtor britânico falou sobre o novo álbum numa entrevista exclusiva à SIC.

  • A Verdade sobre a Mentira
    35:13
  • Elemento dos Super Dragões com medida de coação mais gravosa
    1:37

    Desporto

    Os seis arguidos da Operação Jogo Duplo, que investiga crimes de corrupção e viciação de resultados na II Liga de futebol, saíram em liberdade. A medida de coação mais gravosa é para um membro da claque Super Dragões, que terá de pagar uma caução de 5 mil euros.

  • "A Venezuela sofreu um Madurazo"
    0:32
  • "Leiam os meus lábios. Não!"
    0:12

    Mundo

    Vladimir Putin participou esta quinta-feira numa conferência, no Ártico. Questionado sobre se a Rússia tinha interferido nas últimas eleições dos Estados Unidos da América, o Presidente voltou a negar qualquer interferência, com uma frase que pensava pertencer a Ronald Reagan, mas que na verdade foi proferida por George Bush.

  • A provocação de Juncker a Trump
    0:40

    Mundo

    Jean-Claude Juncker lançou esta quinta-feira uma provocação a Donald Trump. No último dia do congresso do PPE, o presidente da Comissão Europeia disse que, se Trump incentivar outros países a sair da União Europeia, ele próprio vai apoiar a independência do Ohio e do Texas