sicnot

Perfil

Cultura

Portugueses Blasted Mechanism atuam no Nos Alive a 12 de julho

Blasted Mechanism

Os Blasted Mechanism são a mais recente confirmação para o Nos Alive deste ano. Atuam a 12 de julho, o primeiro dia do festival.

A banda portuguesa vai apresentar-se pela primeira vez ao público com uma nova formação e um novo álbum, "Sinchronicity". Os Blasted Mechanism sobem ao palco no Passeio Martítimo de Algés a 12 de junho.

O festival, que decorre entre 12 e 14 de julho, junta nomes como Arctic Monkeys, Queens Of The Stone e Pearl Jam.

  • Nos Alive anuncia parceria com a ONU
    0:26

    Cultura

    O Nos Alive anunciou, em conferência de imprensa, uma parceria com a ONU e juntou-se ao movimento pelo desenvolvimento sustentável. São 17 objetivos traçados pelas Nações Unidas para serem atingidos até 2030, com metas nos âmbitos social, económico e ambiental. O festival, que decorre nos dias 12, 13 e 14 de julho no passeio marítimo de Algés, compromete-se a dar visibilidade aos objetivos e desenvolver ações mais sustentáveis, como exemplifica Álvaro Covões.

  • Alice in Chains atuam a 14 de julho no Nos Alive

    Cultura

    Os Alice in Chains voltam a Portugal para atuar no dia 14 de julho, nos Nos Alive. A banda norte-americana sobe ao palco no mesmo dia que os já anuncionados Pearl Jam, Jack White, Franz Ferdinand e MGMT. Os bilhetes e passes para este dia já estão esgotados.

  • Snow Patrol atuam a 12 de julho no Nos Alive

    Cultura

    Os Snow Patrol regressam a Portugal no verão, para uma atuação no festival Nos Alive, que decorre de 12 a 14 de julho, no Passeio Marítimo de Algés, Oeiras, anunciou esta terça-feira a promotora Everything is New.

  • E vão quatro de Ronaldo
    1:58
  • "Ronaldos nascem na Rússia como cogumelos"
    1:49
  • Lançamento de balões no São João do Porto em risco

    País

    Lançar balões nas festas do São João do Porto pode não ser possível este ano, tudo irá depender das condições atmosféricas. A Secretaria de Estado das Florestas e do Desenvolvimento Rural admitiu, esta quarta-feira, que está a acompanhar a situação mas que ainda nada está decidido.