sicnot

Perfil

Desporto

Joachim Löw nega envolvimento em caso de doping no futebol alemão

Um caso de dopagem com anabolisantes, que remonta aos anos 1970 e 80, está a agitar o futebol alemão, ao por em causa dos clubes nos quais jogou Joachim Löw, o atual selecionador dos campeões do Mundo, que já negou qualquer prática ilícita. 

© POOL New / Reuters

"A dopagem não tem qualquer lugar no desporto, desaprovo-o completamente. Isso é tão verdade na minha carreira de jogador quanto na de selecionador", assegurou hoje Joachim Löw à agência de informação desportiva SID, filial da AFP.

A reação do técnico, considerado o melhor treinador do ano pela FIFA depois de ter orientado a Alemanha rumo ao título mundial, era muito aguardada, depois de, na segunda-feira, ter sido revelada a existência de um sistema de dopagem com anabolisantes, "de grandes escala", na antiga Alemanha Ocidental. 

Em comunicado, a comissão de avaliação da medicina no desporto, baseada em Friburgo, colocou em causa o Estugarda e, em menor escala, o de Friburgo, pelo recurso a práticas dopantes nos anos 1970 e no início dos anos 1980. 

Joachim Löw alinhou pelo Friburgo de 1978 a 1980 e de 1982 a 1984, com uma passagem pelo Estugarda na época 1980/1981.

"Para nós, é difícil fornecer a mínima informação, porque não temos nenhum elemento entre as mãos", disse o diretor desportivo do Estugarda, Robin Dutt, que pediu acesso ao relatório.

O Friburgo também fez saber que vai apoiar o inquérito, condenando o recurso a substâncias dopantes. 











Lusa
  • "Cada drama, cada problema, cada testemunho, impressiona muito"
    1:55
  • Clínica veterinária em Tondela recebeu dezenas de animais feridos nos fogos
    2:57
  • Temperaturas sobem até ao final do mês
    1:09

    País

    O tempo não dá tréguas e, até ao final do mês, as temperaturas vão atingir valores acima do normal para esta época do ano. As temperaturas máximas vão subir entre os 25 e os 32 graus. O risco de incêndio aumenta a partir desta segunda-feira em todo o país e os meios aéreos, viaturas, operacionais e equipas de patrulha vão ser reforçados.

  • Parlamento catalão vai responder à ativação do artigo 155
    1:54
  • A história por detrás da fotografia que correu (e impressionou) o Mundo

    Mundo

    Depois dos incêndios da semana passada na Galiza, começou a circular na internet e nas redes sociais a imagem de uma cadela que alegadamente levava a sua cria carbonizada na boca. Contudo, a cadela é na verdade macho e chama-se Jacki. Esta é a história do cão que passou os dias após os fogos a recolher animais mortos para os enterrar num campo perto de uma igreja, em Coruxo, Vigo.

    SIC

  • Quando o cão de Macron fez chichi no gabinete do Presidente francês
    0:31
  • 245 saltam de ponte de 30m no Brasil para Recorde do Guiness
    1:56
  • Antigos presidentes dos EUA angariam 26 milhões para vítimas dos furacões
    0:58

    Mundo

    Os cinco antigos presidentes dos Estados Unidos da América ainda vivos juntaram-se para ajudar as vítimas dos furacões. Bill Clinton e Barack Obama lembraram as vítimas dos furacões e elogiaram o espírito solidário dos norte-americanos. Os antigos presidentes norte-americanos lançaram o apelo no início do mês passado e já conseguiram angariar cerca de 26 milhões de euros.