sicnot

Perfil

Desporto

PSG nas 'meias' na Taça de França à custa de Leonardo Jardim

O Paris Saint-Germain apurou-se hoje para as meias-finais da Taça de França de futebol após receber e bater o Mónaco, por 2-0, deixando a formação de Leonardo Jardim pelo caminho.

EPA

No Parque dos Príncipes, o ex-benfiquista David Luiz abriu o marcador logo aos três minutos e o uruguaio Cavani reforçou a vantagem dos parisienses, aos 52 minutos, num encontro em que o português João Moutinho entrou campo pelos forasteiros na segunda parte (64) e Bernardo Silva não saiu do banco de suplentes.

O Paris Saint-Germain, que conquistou esta prova por oito ocasiões, a última em 2010, juntou-se nas 'meias' ao Saint-Étienne, que na terça-feira confirmou o apuramento perante o Boulogne, do terceiro escalão, por 4-3, no desempate por grandes penalidades, após 1-1 no final dos 90 minutos e do prolongamento.

Na quinta-feira, o Guingamp, que é o detentor do título, desloca-se ao terreno do Concarneau, dos campeonatos amadores, e o Brest recebe o Auxerre, nos jogos que encerram os quartos de final da prova.










Lusa
  • "Michel Temer nunca teve vergonha, não tem cara de pessoa de bem"
    3:04

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou no habitual espaço de comentário do Jornal da Noite  da SIC, o escândalo com o Presidente do Brasil, Michael Temer. O comentador diz que já era previsível que Temer fosse apanhado com "o pé na poça" e afirma que o Presidente brasileiro nunca teve qualquer tipo de vergonha. Miguel Sousa Tavares fez ainda referência ao facto de Dilma Rousseff ser, entre todos os políticos brasileiros, a única que não tem processos contra ela.

    Miguel Sousa Tavares

  • O que muda com a saída do Procedimento por Défice Excessivo?
    2:10
  • Julgamento do caso BPN deverá terminar quarta-feira
    4:38

    Economia

    O acórdão do processo principal do BPN vai ser tornado público esta quarta-feira, depois de quase sete anos de audições. O rosto principal é o de José Oliveira Costa mas há outros 14 arguidos sentados no banco dos réus.

  • Marcelo opta pelo silêncio sobre a eutanásia
    1:09

    Eutanásia

    Marcelo Rebelo de Sousa diz que só tomará uma posição sobre a eutanásia quando o diploma chegar a Belém. O chefe de Estado garante que vai ficar em silêncio, para não condicionar o debate e também "para ficar de mãos livres para decidir".