sicnot

Perfil

Desporto

Nelson Évora salta hoje à tarde para o ouro do triplo salto

Nelson Évora é hoje favorito para a medalha de ouro do triplo salto nos Campeonatos da Europa de atletismo em pista coberta, em Praga, entrando na final com a melhor marca continental do ano.

(Reuters/ Arquivo)

(Reuters/ Arquivo)

© Phil Noble / Reuters

Aos 30 anos, o triplo saltador português, campeão olímpico em 2008 e mundial em 2007, está de novo em grande forma e lidera o 'ranking' com 17,19 metros, a pouco mais de dez centímetros do seu recorde nacional em pista coberta.

 

O saltador luso lidera as listas europeias, com 17,19 feitos no recente Nacional de Clubes, à frente do espanhol Pablo Torrijos (17,03, novo recorde de Espanha) e dos russos Dmitry Sorokin (16,94) e Aleksey Fyodorov (16,91), que também estarão na final.

 

Na sexta-feira, os melhores triplistas resguardaram-se na qualificação, em que Sorokin foi o melhor, com 16,76, à frente do romeno Marian Oprea (16,63) e de Nelson Évora (16,61).

 

Torrijos, Fyodorov, os búlgaros Rumen Dimitrov e Georgi Tsonov e o bielorusso Dimitri Platnitsko completam o grupo de oito finalistas, no concurso que se inicia pelas 17:40 (18:40 locais).

 

"Entro aqui com ambições de pódio e tenho razões para pensar assim, as lesões foram ultrapassadas, agora só tenho que desenvolver o melhor trabalho possível dentro das minhas características. Eu acredito ainda nos meus sonhos e luto por eles todos os dias", disse no final das qualificações o saltador português, em declarações à Antena 1.

 

No triplo salto feminino estarão Patrícia Mamona e Susana Costa, com qualificações às 09:05, e Yazaldes Nascimento corre na primeira ronda de 60 metros, às 09:35.

 

Mamona, vice-campeã europeia absoluta em 2012 mas inesperadamente fora da final em 2014 (foi 13.ª e primeira não qualificada), começou a época de forma consistente e tem como melhor registo 14,10 metros, na sua última prova, aparecendo em Praga com a 10.ª melhor marca.

 

Além da final do triplo masculino, o programa apresenta finais femininas na altura, comprimento, peso, 3.000 metros e 400 metros e masculinas de vara, 3.000 metros e 400 metros.

 

Lusa

  • O fim do julgamento do caso BPN, seis anos depois
    2:26

    País

    O antigo presidente do BPN José Oliveira Costa tentou adiar o fim do julgamento principal do caso com um recurso para o Tribunal Constitucional. Apesar disso, a leitura do acórdão continua marcada para esta quarta-feira, quase seis anos e meio depois de os 15 arguidos se terem sentado pela primeira vez no banco dos réus.

  • José Oliveira Costa, o rosto do buraco financeiro do BPN
    3:04

    País

    José Oliveira Costa foi o homem forte do BPN durante 10 anos e tornou-se o rosto do gigantesco buraco financeiro. Manteve-se em silêncio durante todo o julgamento, mas falou aos deputados da comissão de inquérito, para negar qualquer envolvimento no escândalo que fez ruir o BPN.

  • Saída do Procedimento por Défice Excessivo marca debate no Parlamento
    1:40
  • Filhos tentam anular casamento de pai de 101 anos

    País

    O casamento de um homem de 101 anos com uma mulher com metade da idade, em Bragança, está a ser contestado judicialmente pelos filhos do idoso, que acusam aquela que era empregada da família de querer ser herdeira.