sicnot

Perfil

Desporto

Rio de Janeiro começa venda de bilhetes para Jogos Olímpicos 2016 a 31 de março

A venda ao público dos bilhetes para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro de 2016 vai começar a 31 de março, revelou o Comité Rio 2016 na segunda-feira.

Estádio do Maracanã, Rio de Janeiro, Brasil.

Estádio do Maracanã, Rio de Janeiro, Brasil.

Reuters

Com a divulgação do calendário de competições, será possível submeter os pedidos para participação no primeiro sorteio, segundo a nunciou ainda aquele comité.

No total, serão vendidos 7,5 milhões de ingressos para 42 desportos olímpicos.

Com mais de 700 opções de eventos desportivos, cada pessoa poderá solicitar ingressos para até 20 competições diferentes. Para escolher, bastará selecionar desporto, local, data e horário, além da quantidade de ingressos. 

Nas competições de maior procura - como as finais do futebol masculino ou do voleibol --, o limite é de quatro ingressos por pedido. Nas demais, seis.

"Este é o melhor momento para os espetadores adquirirem os seus ingressos, quando temos maior disponibilidade de entradas. Daremos chances iguais a todos os que enviarem os seus pedidos", disse Donovan Ferreti, diretor de Ingressos do Comitê Rio 2016.

Faltando 500 dias para o início dos Jogos, governo e iniciativa privada correm contra o tempo para finalizar as obras prometidas.

Em janeiro, três locais de competição ainda não tinham orçamento nem cronograma de obras previstos, de acordo com um balanço divulgado naquele mês pela Autoridade Pública Olímpíca (APO). 

Num deles, o Estádio de Remo da Lagoa, as obras começaram na semana passada. Mas ainda não há definição sobre as adequações do parque aquático Julio Delamare nem os `courts´ de aquecimento do Maracanãzinho.

Na semana passada, o consórcio privado que ergue a Aldeia Olímpica anunciou a conclusão de 75% das obras. O empreendimento deverá ser entregue 15 dias antes do início dos Jogos.

O clima olímpico, porém, ainda não contagiou os `cariocas´, que enfrentam aumentos nos preços das passagens de transporte público e uma greve dos trabalhadores da limpeza urbana, que já dura mais de 15 dias.

"Há um sentimento de descrença no ar. E não é por causa do lixo. A população está vendo a cidade encarecer muito, mas sem melhorias efetivas nos serviços públicos e nas nossas condições de vida. A Olimpíada, como a Copa [Campeonato do Mundo de futebol], é para os ricos", afirma Mario Campagnani, ativista do Comitê Popular da Copa e das Olimpíadas, que fiscaliza a ação dos megaeventos.

  • Lei existe há quatro anos mas não tem regulamentação
    2:03
  • Denúncia de maus tratos a cães no canil municipal de Elvas
    2:24

    País

    O Grupo de Intervenção e Resgate Animal denunciou nas redes sociais alegados maus tratos a animais no canil municipal de Elvas. As imagens mostram uma cadela com uma corda ao pescoço. A autarquia abriu um inquérito para averiguar o caso, suspendendo também o trabalho dos voluntários no canil.

  • Há cada vez menos portugueses

    País

    A população em Portugal diminuiu no ano passado, pelo oitavo ano consecutivo, já que o número de mortes continua a ser superior ao de nascimentos, revelam dados hoje divulgados pelo INE.

  • Dois em cada três portugueses vivem vidas sedentárias

    País

    Com menos de hora e meia de exercício semanal, mais de dois terços dos portugueses vivem vidas sedentárias. E a maioria desvaloriza a importância da atividade física, segundo um inquérito divulgado esta quinta-feira pela Fundação Portuguesa de Cardiologia.

  • Estados Unidos vão reforçar as sanções à Coreia do Norte
    1:31

    Mundo

    Washington pretende também investir nos esforços diplomáticos para que Pyongyang ponha fim aos programas nucleares e de mísseis. A nova estratégia de Donald Trump foi anunciada quarta-feira à noite. A força aérea norte-americana testou esta quarta-feira um míssil de longo-alcance que percorreu 6800 quilómetros sobre o Pacífico a partir de uma base na Califórnia.

  • Le Pen vai à pesca
    0:35

    Eleições França 2017

    Marine Le Pen, candida à presidência de França fez esta quinta-feira uma "pausa" na campanha eleitoral e aproveitou para ir à pesca. A candidata navegou num barco de pesca no Mediterrâneo.

  • Ovibeja aposta este ano na internacionalização da agricultura
    2:07

    País

    A Ovibeja começou esta quinta-feira e este ano aposta na internacionalização dos produtos agrícolas do Alentejo. Centenas de expositores esgotam o certame, que é uma monstra da agricultura portuguesa. António Costa, na sexta-feira, e Marcelo Rebelo de Sousa, no sábado, são alguns dos políticos com a presença marcada em Beja.