sicnot

Perfil

Desporto

Nadador sul-coreano, suspenso por doping, poderá ir ao Rio2016 "se pedir desculpa"

O campeão olímpico sul-coreano de natação Park Tae-hwan, suspenso 18 meses por doping, poderá estar nos Jogos do Rio, em 2016, caso peça desculpa, disse esta quarta-feira o presidente da Federação de Natação da Coreia do Sul.

Campeão olímpico em 2008, o nadador sul-coreano foi suspenso por 18 meses pela Federação Internacional de Natação (FINA) por não ter comparecido a um teste de doping, depois de já ter tido uma análise positiva fora da competição, em setembro passado. (Arquivo)

Campeão olímpico em 2008, o nadador sul-coreano foi suspenso por 18 meses pela Federação Internacional de Natação (FINA) por não ter comparecido a um teste de doping, depois de já ter tido uma análise positiva fora da competição, em setembro passado. (Arquivo)

© David Gray / Reuters

Campeão olímpico em 2008, o nadador sul-coreano foi suspenso por 18 meses pela Federação Internacional de Natação (FINA) por não ter comparecido a um teste de doping, depois de já ter tido uma análise positiva fora da competição, em setembro passado.

"Vamos esperar que Park peça desculpa aos coreanos e depois disso tomaremos uma decisão, de acordo com os desejos da nossa sociedade", disse o presidente da federação local, Lee Ki-Heung.

A suspensão de Park termina a 2 de março de 2016, o que lhe permitiria estar no Rio2016, mas o Comité Olímpico Sul-Coreano criou em 2014 uma norma que obriga que atletas com testes positivos de doping fiquem afastados da competição por três anos.

"Haverá oportunidades para debater essa norma", disse o líder federativo, abrindo a porta a uma exceção para o mais laureado dos nadadores sul-coreanos.

Park conquistou a medalha de ouro nos 400 metros livres e a medalha de prata nos 200 nos Jogos Olímpicos de Pequim2008, tornando-se no primeiro nadador sul-coreano a obter uma medalha olímpica. 

Nos Jogos Olímpicos de Londres2012 viria a conquistar também a medalha de prata naquelas duas provas, além dos títulos mundiais nos 400 metros em 2007 e 2011.
Lusa
  • Jovens adoptados e filha do líder da IURD com versões diferentes dos acontecimentos
    4:06

    País

    Os jovens adoptados e a filha do bispo Edir Macedo, que alegadamente os adoptou, têm versões diferentes sobre o que aconteceu. Vera e Luís Katz garantem que foram adoptados por uma família norte-americana, com que viveram até aos 20 anos. Viviane Freitas, filha do líder da Igreja Universal do Reino de Deus, conta que foi mãe das crianças durante três anos, apesar de lhe ter sido negada a adopção.

  • Cabecilha da seita Verdade Celestial é "mentiroso, egocêntrico e psicótico"
    2:22

    País

    O cabecilha da seita "Verdade Celestial" foi condenado a 23 anos de pena de prisão por abusos sexuais de crianças e adolescentes. O juiz diz que o cabecilha do grupo era mentiroso patológico, egocêntrico, impulsivo e com personalidade psicótica. Dos oito acusados, duas mulheres foram absolvidas e seis arguidos foram condenados a penas efetivas. A rede de abusadores foi desmantelada há dois anos, numa quinta de Palmela.

  • Mau tempo obriga ao cancelamento de centenas de voos na Europa
    1:21
  • Antigos quadros da Facebook declaram-se preocupados com efeitos da rede social

    Mundo

    Alguns dos antigos quadros da empresa Facebook estão a começar a exprimir sérias dúvidas sobre a rede social que ajudaram a criar, foi noticiado. A Facebook explora "uma vulnerabilidade na psicologia humana" para criar dependência entre os seus utilizadores, afirmou o primeiro presidente da empresa, Sean Parker, num fórum público.