sicnot

Perfil

Desporto

Marítimo vence FC Porto e está na final da Taça da Liga

O Marítimo qualificou-se esta quinta-feira, pela primeira vez, para a final da Taça da Liga de futebol, ao derrotar, em casa, o FC Porto, por 2-1, e vai disputar o troféu com o atual detentor, o Benfica.

Marega (à frente) apontou o 2-1 para a turma madeirense.

Marega (à frente) apontou o 2-1 para a turma madeirense.

HOMEM DE GOUVEIA / Lusa

No Funchal, o FC Porto marcou primeiro, por Evandro (32 minutos), mas Bruno Gallo empatou, de grande penalidade (37), e Marega fez o resultado final antes do intervalo (45), impondo aos 'dragões' a segunda derrota no estádio dos Barreiros esta época, após desaire no campeonato (1-0), e o quarto jogo seguido sem ganhar no recinto do Marítimo.

Na final, que se realiza em Coimbra, ainda sem data marcada, a equipa madeirense vai enfrentar o Benfica, vencedor de cinco das sete edições anteriores, que nas meias-finais bateu o Vitória de Setúbal, por 3-0, a 11 de fevereiro.
  • Costa preparado para falar da renegociação da dívida no plano europeu
    2:24

    Economia

    O primeiro-ministro não quer quebrar com as regras impostas pela UE e não vai dar o primeiro passo na renegociação da dívida, mas estará na linha da frente quando Bruxelas ceder. Em entrevista à RTP, António Costa garante que o Governo cumpriu tudo aquilo que acordou com o presidente demissionário da Caixa Geral de Depósitos, António Domingues.

  • Nova Deli é "altamente tóxica" para os cidadãos

    Mundo

    Nova Deli foi considerada altamente tóxica para os cidadãos. A capital da Índia é considerada há mais de três anos a cidade mais poluída do mundo, mas só este ano se concluiu que é tão tóxica que é capaz de provocar doenças crónicas a quem lá vive.

  • Condutores continuam com dúvidas em como circular numa rotunda
    2:06

    País

    Circular nas rotundas continua a ser um problema para muitos condutores. Cerca de 3 mil foram multados nos últimos três anos depois da entrada em vigor do novo código, os números são avançados pela Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária. Os instrutores de condução dizem que a medida provoca mais confusão nas horas de ponta.