sicnot

Perfil

Desporto

Carriço quer fazer valer invencibilidade caseira do Sevilha no jogo frente ao Barcelona

O futebolista Daniel Carriço admitiu  que "é muito difícil" ganhar ao Barcelona, líder da Liga espanhola, mas que todos sabem também a dificuldade que é ganhar no Estádio Sánchez Pizjuán.

Daniel Carriço avisou que o Sevilha "vai complicar a vida" ao Barcelona, tentando não sofrer golos e, por outro, aproveitar as oportunidades que tiver, prometendo que os jogadores andaluzes deixarão "tudo nos 90 minutos".

Daniel Carriço avisou que o Sevilha "vai complicar a vida" ao Barcelona, tentando não sofrer golos e, por outro, aproveitar as oportunidades que tiver, prometendo que os jogadores andaluzes deixarão "tudo nos 90 minutos".

Jose Manuel Vidal / Lusa

O jogador português falava, assim, da visita do sábado do 'Barça', em jogo da 31.ª jornada da Liga, num momento em que o Sevilha já leva mais de um ano sem perder em casa para o campeonato, precisamente desde a última visita dos catalães, que ganharam por 4-1, a 9 de fevereiro de 2014.

Depois disso, a equipa só voltou a perder mais um jogo, a 13 de março de 2014, mas então dos oitavos de final da Liga Europa, frente ao Bétis (2-0), e numa eliminatória que viria mais tarde a ultrapassar.

Daniel Carriço avisou que o Sevilha "vai complicar a vida" ao Barcelona, tentando não sofrer golos e, por outro, aproveitar as oportunidades que tiver, prometendo que os jogadores andaluzes deixarão "tudo nos 90 minutos".

O ex-futebolista do Sporting salientou que a equipa pretende estar bem na Liga, na qual é quinta classificada, com o objetivo de qualificação para a Liga dos Campeões, e na Liga Europa, prova em que defende o troféu.

O Sevilha, que venceu na final da última edição o Benfica (4-2 nas grandes penalidades, após 0-0 nos 120 minutos), recebe na quinta-feira os russos do Zenit, em embate da primeira mão dos quartos de final.

"Estamos muito concentrados nas duas competições e queremos manter essa linha, com confiança, para continuarmos a ganhar", concluiu o jogador formado no Sporting e que esteve na equipa principal dos 'leões' de 2008 a 2013.

Além de Daniel Carriço, representam o Sevilha mais dois jogadores portugueses, o guarda-redes Beto, que se encontra lesionado, e o defesa Diogo Figueiras.
Lusa
  • Captura ilegal de cavalos-marinhos na Ria Formosa
    3:02

    País

    Há cada vez menos cavalos marinhos na Ria Formosa. Cientistas da Universidade do Algarve dizem que a maior população desta espécie no mundo, que é a que existe na Ria Formosa, está ameaçada devido à captura ilegal para o mercado asiático. Dizem que, se nada for feito para travar este fenómeno, esta espécie protegida pode desaparecer em poucos anos.