sicnot

Perfil

Desporto

Sami considera Vitória de Guimarães o quarto "grande" do futebol português

O avançado Sami, do Vitória de Guimarães, que já representou esta temporada o Sporting de Braga, considerou esta quarta-feira que o seu atual clube é o quarto grande do futebol português.

O avançado guineense chegou a Guimarães, emprestado pelo FC Porto, só no final de janeiro, depois de seis meses em Braga e, quando questionado sobre qual dos dois é o quarto clube de Portugal, respondeu: "É facilmente visível, basta entrar no D. Afonso Henriques para saber quem é o quarto grande de Portugal."

O avançado guineense chegou a Guimarães, emprestado pelo FC Porto, só no final de janeiro, depois de seis meses em Braga e, quando questionado sobre qual dos dois é o quarto clube de Portugal, respondeu: "É facilmente visível, basta entrar no D. Afonso Henriques para saber quem é o quarto grande de Portugal."

HUGO DELGADO / Lusa

O avançado guineense chegou a Guimarães, emprestado pelo FC Porto, só no final de janeiro, depois de seis meses em Braga e, quando questionado sobre qual dos dois é o quarto clube de Portugal, respondeu: "É facilmente visível, basta entrar no D. Afonso Henriques para saber quem é o quarto grande de Portugal."

O jogador, que fala à margem de uma visita de uma delegação do clube à Escola EB 2/3 de Abação, em Guimarães, disse ainda ter vindo "para ajudar, para somar". 

"Vim para evoluir. Tenho 26 anos e tenho muito para aprender. As condições que são criadas para os jogadores trabalharem são ótimas. As pessoas são boas e a estrutura é ótima. Quando uma pessoa se sente bem, quer é dar tudo de si para compensar aquilo que fazem por nós", disse, citado pelo sítio oficial do clube.

Inicialmente alvo de assobios, tal como os outros dois jogadores emprestados pelo FC Porto, Ivo Rodrigues e Otávio, Sami recebeu recentemente aplausos dos adeptos vimaranenses.

"Os assobios fazem parte do passado. A exigência faz-nos evoluir. O que me está na memória é o último jogo e já só penso em dar continuidade e dar o meu melhor no jogo com o Rio Ave para voltar a ser aplaudido", disse.

Depois do triunfo diante do rival bracarense na última jornada (1-0), o Vitória viaja até Vila do Conde para defrontar o Rio Ave, no sábado, em jogo da 30.ª jornada da I Liga.

"Queremos dar seguimento a esta vitória e conquistar mais três pontos. Não vai ser um jogo fácil, porque o Rio Ave também tem as suas ambições e aspirações", disse.
Lusa
  • O encontro emocionado de Marcelo com a mãe de uma das vítimas dos fogos
    0:30
  • Proteção Civil garante que já não há desaparecidos
    1:40
  • "Depois de sair da autoestrada o vidro do carro ainda estava a ferver"
    2:01
  • "O fogo chegou de repente. Foi um demónio"
    2:15
  • O desabafo de um empresário que perdeu "uma vida inteira de trabalho" no fogo
    2:08
  • O testemunho emocionado de quem perdeu quase tudo
    2:10
  • As comunicações entre operacionais no combate às chamas em Viseu
    2:27
  • Houve "erros defensivos que normalmente a equipa não comete"
    0:38

    Desporto

    No final do jogo, quando questionado sobre a ausência de Casillas no onze do FC Porto, Sérgio Conceição referiu que a equipa apresentada era aquela que lhe oferecia garantias. Quanto ao jogo, o treinador portista reconheceu que a equipa cometeu vários erros defensivos.

  • "Cometemos erros e há que tentar corrigi-los"
    0:41

    Desporto

    No final do jogo em Leipzig, Iván Marcano desvalorizou a ausência de Iker Casillas e entendeu que o facto de o guarda-redes ter ficado no banco não teve impacto na equipa. Já sobre o jogo, o central espanhol garantiu que não correu da forma como os jogadores esperavam.

  • Norte-americana foi à discoteca e tornou-se princesa

    Mundo

    A história de Ariana Austin é quase como um conto de fadas moderno. A jovem vai até ao baile, onde conhece o seu príncipe. Só que a norte-americana foi a uma discoteca e, na altura, não sabia que Joel Makonnen era na verdade um príncipe da Etiópia e que casaria com ele 12 anos depois, tornando-se também ela numa princesa.