sicnot

Perfil

Desporto

"Marco Silva perde estado de graça se Sporting não vencer Taça"

O antigo futebolista do Sporting Manuel Fernandes disse hoje que o treinador Marco Silva deveria continuar no comando dos leões, embora acredite que se não vencer a Taça de Portugal perderá o seu "estado de graça".

"Não sei se o Marco vai continuar, mas como sportinguista, e para estabilidade do clube, gostava que ele ficasse. Ele conhece bem os jogadores que tem e quem é que precisa para valorizar e potenciar o seu plantel", afirmou.

Manuel Fernandes, que falava aos jornalistas à margem do Estoril Open em ténis, lembrou os feitos do atual treinador do Sporting que, à 30.ª jornada, já conquistou tantos pontos (66) como Leonardo Jardim quando estava no comando.

"O Sporting precisa de estabilidade e obviamente que o Marco Silva é uma pessoa equilibrada, embora ainda não tenha ganho nada, mas ele faz 66 pontos à 30.ª jornada e tem a possibilidade de ganhar a Taça de Portugal", sustentou.

Contudo, a antiga glória leonina lembrou que se o Sporting não vencer a Taça de Portugal, "o estado de graça de Marco Silva perde-se um bocado".

"Isso aí é a realidade do futebol. Mas estou convicto de que vai ganhar", ressalvou.

Num balanço antecipado da época do Sporting, Manuel Fernandes mostrou-se satisfeito.

"Atendendo ao investimento feito pelos dois primeiros classificados e ao investimento do Sporting, atendendo à situação financeira dos clubes, atendendo que o Sporting é, dos três, o que joga com mais jogadores da sua formação e portugueses e que pode ganhar a Taça de Portugal, e o FC Porto arrisca-se a não ganhar nada, estou satisfeito com o que o Sporting fez", frisou.

Sobre a possibilidade da eventual saída de Nani, emprestado pelo Manchester United, Manuel Fernandes reconheceu que será "uma saída difícil de colmatar".

"O Sporting não tem disponibilidade financeira para ir buscar um jogador do nível do Nani, que custa muito dinheiro", acrescentou.

Lusa

  • Mação volta a enfrentar dias de pânico
    3:33
  • Fogo obrigou à evacuação de 6 aldeias do concelho do Sardoal
    1:56

    País

    O incêndio que chegou ao Sardoal obrigou à evacuação de seis aldeias. As pessoas foram encaminhadas para as instalações da Santa Casa da Misericórdia e vão regressando ao longo do dia de hoje. A A23 foi reaberta de madrugada, depois de ter estado várias horas cortada nos dois sentidos .

  • Ministra admite que a maioria dos incêndios começaram por mão humana
    1:57

    País

    A Ministra da Administração Interna admitiu esta quarta-feira que a maioria dos incêndios deste ano começaram por mão humana, mas Constança Urbano de Sousa entende que é cedo para tirar outras conclusões. Já o vice-presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, Adelino Gomes, diz que não há duvidas e fala em terrorismo organizado. 

  • Sismo na região de Lisboa sentido num raio de 150km
    3:19