sicnot

Perfil

Desporto

Rui Machado procura nova presença nos 'quartos' do Estoril Open

O tenista português Rui Machado tenta hoje igualar a sua melhor prestação no único torneio português do circuito ATP, no encontro da segunda ronda frente ao jovem croata Borna Coric.

© Regis Duvignau / Reuters

Machado, de 31 anos, e Coric, de 18, vão protagonizar o 'duelo' das gerações e, caso o português saia vencedor, voltará aos quartos de final, fase que atingiu em 2010 no Jamor, igualando o seu melhor resultado em nove presenças.

O encontro entre o único português na segunda ronda do quadro de singulares e o prodígio croata terá honras de sessão noturna no 'court' central, que recebe, a partir das 12:30, os dois outros representantes lusos ainda em competição.

João Sousa e Gastão Elias, número um e dois do ténis nacional, defrontam o bielorrusso Max Mirnyi e o polaco Mariusz Fyrstenberg, os terceiros cabeças de série, na segunda ronda do torneio de pares.

O par português procura defender as meias-finais alcançadas no Portugal Open em 2014.

Ao quarto dia de competição, o sul-africano Kevin Anderson, o segundo cabeça de série e jogador mais cotado ainda em prova, entra finalmente em prova, defrontando na segunda ronda o espanhol Guillermo Garcia-Lopez.

De seguida, no 'court' central o bicampeão do antigo Estoril Open, o espanhol Albert Montañes, procura aceder aos 'quartos' frente ao luxemburguês Gilles Muller, oitavo cabeça de série.

O Estoril Open decorre até domingo nos 'courts' de terra batida do Clube de Ténis do Estoril, em Cascais.


  • Quando se pode circular pela esquerda? A GNR explica (e fiscaliza)
    5:46

    Edição da Manhã

    A regra aplica-se a autoestradas e outras vias com esse perfil mas dentro das localidades há exceções. A Guarda Nacional Republicana está a promover em todo o território nacional várias ações de sensibilização e fiscalização no sentido de prevenir e reprimir a circulação de veículos pela via do meio ou da esquerda quando não exista tráfego nas vias da direita. O major Paulo Gomes, da GNR, esteve na Edição da Manhã. 

  • O pedido de desculpas de Dijsselbloem
    2:12

    Mundo

    O Governo português continua a mostrar a indignação que diz sentir perante as declarações do presidente do Eurogrupo. O ministro dos Negócios Estrangeiros português garante que com Dijsselbloem "não há conversa possível". Jeroen Dijsselbloem começou por recusar pedir desculpa mas depois cedeu perante a onda de indignação.

  • A primeira vez do Sr. Árbitro
    12:41