sicnot

Perfil

Desporto

Festa benfiquista "invade" Festival da Gamboa em Cabo Verde

Os festejos da vitória do Benfica no campeonato português de futebol juntaram-se ao último dia do Festival da Gamboa, na Cidade da Praia, hoje marcada por tons de vermelho, com bandeiras, cachecóis e camisolas e muita alegria e dança.

A festa começou logo com o anúncio do empate 1-1 entre Belenenses e FC Porto, que terminou cerca de cinco minutos antes de o jogo do Benfica em Guimarães terminar igualmente com um empate, mas a zero, permitindo aos `encarnados´ conquistar o 34.º título da história do clube. 

Na praia da Gamboa, alguns dos milhares presentes no festival de música, consagrado hoje à juventude, acabaram dentro de água, levando consigo as bandeiras.

Pouco depois, a extensa Avenida Cidade de Lisboa, palco tradicional dos festejos dos praienses na capital de Cabo Verde, encheu-se de carros com bandeiras, cachecóis, buzinadelas e apitos.

Com a avenida a desembocar quase junto à praia da Gamboa, onde termina hoje o festival homónimo, iniciado sexta-feira à noite, gerou-se um pequeno engarrafamento na área, onde se situa também o restaurante, ainda com o mesmo nome, onde grande parte dos benfiquistas cabo-verdianos se costuma encontrar para festejar.

Ainda na mesma zona, no parque de estacionamento de um posto de combustível, um pano com a palavra `reservado´ e várias bandeiras e símbolos do Benfica mostra a entrada para um pequeno palco onde estão concentrados dezenas de adeptos benfiquistas, que festejam o bicampeonato português e já querem o `tri´.

Numa rápida visita feita de carro pela agência Lusa a vários bairros da capital de Cabo Verde são visíveis os sinais de festa, onde predominam as bandeiras encarnadas, que aparecem também expostas em varandas de várias habitações da Achada Grande, Achada de Santo António, Terra Branca ou Palmarejo.

No Palmarejo, João Gomes, 22 anos, desempregado, trajando a camisola de Pablo Aimar (jogador argentino que deixou o Benfica há dois anos), resumiu à Lusa o que grande parte já havia afirmado: "conquistado o bicampeonato, que venha o `tri´".

No mesmo grupo, Sani Sanó, natural de Bafatá (Guiné-Bissau), guarda-noturno, elegeu Jonas com o melhor jogador `encarnado´ e ainda manifestou esperança de que, frente ao Marítimo, o último jogo do Benfica no campeonato, o avançado brasileiro marque "quatro ou cinco golos" para vencer também o prémio de melhor marcador do campeonato.

No campeonato, Jonas tem 18 golos apontados contra 20 do avançado colombiano Jackson Martinez, cuja equipa, FC Porto, recebe na última jornada o Penafiel, 18.º e último classificado e já relegado para a II Liga.




Lusa
  • DJ Avicii morre aos 28 anos

    Cultura

    Tim Bergling, conhecido por Avicii e um dos mais famosos DJ's do mundo, morreu aos 28 anos. A notícia foi avançada pelo site TMZ, que adianta que o DJ e produtor sueco foi encontrado morto esta sexta-feira em Muscat, em Omã, e os detalhes da morte ainda não são conhecidos.

    SIC

  • Avicii tinha deixado os palcos há 2 anos por motivos de saúde
    2:14
  • "Não andámos a tomar calmantes, nem a dar abracinhos"
    0:52

    Desporto

    Rui Vitória recusa atirar a toalha ao chão. O treinador do Benfica acredita que ainda muito pode acontecer e revela a motivação da equipa depois da derrota com o FC Porto na Luz, que levou à perda da liderança a quatro jornadas do fim.

  • "Se não querem que vos baixem as calças, não se tornem modelos"

    Cultura

    "Se não querem que vos baixem as calças, não se tornem modelos", esta foi apenas uma das declarações de Karl Lagerfeld sobre as denúncias de abuso sexual, que estão a marcar o mundo do cinema, da música e da moda. Numa entrevista, o diretor criativo da Chanel e da Fendi declarou mesmo que estava farto do #MeToo, o movimento usado para denunciar estes casos de abusos por todo o mundo.

    SIC

  • Portugal compromete-se a enviar profissionais de saúde para África
    2:39
  • EUA acusam Síria de tentar apagar provas de alegado ataque químico em Douma
    1:28
  • Já pode escolher uma morte amiga do ambiente

    Mundo

    Preocupa-se com o ambiente? Recicla? Prefere andar a pé ou partilhar transportes? Então saiba que a partir de agora a morte também pode ser amiga do ambiente. Desde caixões degradáveis de vime a cremação líquida, já é possível diminuir o impacto ambiental da morte.

    SIC

  • Mágico comove audiência do Britain's Got Talent com a história de cancro da mulher e da filha
    5:16