sicnot

Perfil

Desporto

Ancelotti rejeita proposta do Milan para poder descansar

O treinador italiano Carlo Ancelotti, que comandou o Real Madrid nas duas últimas temporadas, rejeitou uma oferta do AC Milan, descartando o regresso ao clube italiano de futebol, e anunciou que vai descansar.

"Agradeço ao Milan pelo seu interesse. É difícil dizer não a um clube ao qual quero tanto, mas tenho de descansar. Desejo-lhe o melhor", escreveu Ancelotti nas suas contas nas redes sociais.

"Agradeço ao Milan pelo seu interesse. É difícil dizer não a um clube ao qual quero tanto, mas tenho de descansar. Desejo-lhe o melhor", escreveu Ancelotti nas suas contas nas redes sociais.

© Reuters Staff / Reuters

"Agradeço ao Milan pelo seu interesse. É difícil dizer não a um clube ao qual quero tanto, mas tenho de descansar. Desejo-lhe o melhor", escreveu Ancelotti nas suas contas nas redes sociais.

O clube também emitiu um breve comunicado dando conta de que "Carlo Ancelotti comunicou ao Milan que não poderá ser o treinador da primeira equipa na próxima temporada".

Adriano Galliani, administrador delegado do Milan, esteve na semana passada durante alguns dias em Madrid, onde se reuniu com Ancelotti, para tentar convencê-lo a repensar a decisão de ficar um ano sem treinar e a aceitar a oferta dos 'rossoneri'.
Lusa
  • Treinador do Real Madrid foi despedido
    0:34

    Desporto

    O treinador do Real Madrid foi despedido. O italiano Carlo Ancelotti não resistiu à derrota no campeonato e à eliminação da Liga dos Campeões. O anúncio foi feito pelo presidente do clube, Florentino Perez.

  • Atacantes usaram "tática defendida pelos extremistas do Daesh"
    1:43

    Ataque em Barcelona

    O ex-presidente do Observatório de Segurança, Criminalidade Organizada e Terrorismo esteve em direto, para a SIC Notícias, onde falou sobre o ataque desta quinta-feira nas Ramblas, em Barcelona. José Manuel Anes falou na tática defendida na revista dos extremistas do Daesh e que foi usada neste ataque: a utilização de viaturas "de preferência as mais pesadas para matar o maior número de pessoas".