sicnot

Perfil

Desporto

Município de Paris dá "luz verde" para ampliação de Roland Garros

A cidade de Paris vai mesmo avançar com a construção de um novo complexo de Roland Garros, que passará dos atuais 8,5 hectares para 12,5 na edição de 2019, confirmou hoje a presidente da câmara, Anne Hidalgo.

© Reuters Staff / Reuters

"Hoje mesmo foi assinada a autorização de construção que pemite a extensão de Roland-Garros", disse Hidaldo ao canal BFM TV. 

A ampliação das infraestruturas, que tem sido criticada por organizações ambientalistas, tem um orçamento de 400 milhões de euros e servirá igualmente para ser incluída na candidatura de Paris aos Jogos Olímpicos de 2024.

Na semana passada já tinha sido assegurado o apoio do Governo francês, saindo-se assim de um impasse que durava há anos. Com a autorização camarária, a Federação Francesa de Ténis estima que as obras comecem ainda este ano.

As mudanças permitirão, nomeadamente, que haja menos jogos suspensos pela chuva ou por falta de luz natural, já que se avança para coberturas e iluminação dos campos.

O torneio, que se disputa desde 1920, é visitado anualmente por 460 mil pessoas, o que faz dele o menos concorrido dos torneios do 'Grand Slam'.

Entre as principais críticas dos ecologistas está o facto de, na ampliação, um novo campo chegar ao Jardin des Serres de Auteuil, criado em 1897 pelo arquiteto Jean Camille Formigé, como um dos quatro polos do Jardim Botânico e classificado como monumento natural.

Lusa
  • Atores recriam cena em que um homem é vítima de violência doméstica
    1:35
  • Ministério Público admite eventual detenção do presidente do governo da Catalunha
    2:24
  • Bispo vermelho

    "Recebia trabalhadores e sindicalistas, batia à porta de políticos e empresários, andava pelas ruas da cidade ao encontro dos que das ruas da cidade faziam casa". Joaquim Franco evoca Manuel Martins, o "bispo vermelho".

    Joaquim Franco

  • Apreendidos quase 7.000 comprimidos ilegais vendidos pela internet
    1:43

    País

    O Infarmed e a Autoridade Tributária apreenderam perto de 7.000 unidades de comprimidos ilegais.A apreensão aconteceu no âmbito de uma operação internacional da Interpol de combate aos medicamentos ilegais vendidos pela internet, explicou à SIC Luís Sande e Castro, diretor da Unidade de Inpeção do Infarmed.

  • Passageiro detido com 1 kg de ouro no reto

    Mundo

    Os funcionários da alfândega do aeroporto de Colombo, Sri Lanka, estranharam o comportamento de um passageiro que "caminhava com dificuldade". Um exame completo revelou a valiosa carga que levava escondida... no tubo intestinal.