sicnot

Perfil

Desporto

Justiça espanhola aceita investigar queixa contra Neymar e Barcelona

A justiça espanhola aceitou investigar a queixa apresentada pelo fundo de investimento DIS, que detinha parte dos direitos federativos de Neymar, contra o futebolista internacional brasileiro e o Barcelona, indicou esta quarta-feira fonte judicial.

O fundo de investimento brasileiro considera-se lesado no processo de transferência de Neymar do Santos (na imagem) para Barcelona, dirigindo a queixa também contra o pai do jogador, Neymar Santos, o clube brasileiro, o atual presidente demissionário dos catalães, Josep Maria Bartomeu, e o anterior presidente, Sandro Rosell.

O fundo de investimento brasileiro considera-se lesado no processo de transferência de Neymar do Santos (na imagem) para Barcelona, dirigindo a queixa também contra o pai do jogador, Neymar Santos, o clube brasileiro, o atual presidente demissionário dos catalães, Josep Maria Bartomeu, e o anterior presidente, Sandro Rosell.

Michael Probst / AP

O fundo de investimento brasileiro considera-se lesado no processo de transferência de Neymar do Santos para Barcelona, dirigindo a queixa também contra o pai do jogador, Neymar Santos, o clube brasileiro, o atual presidente demissionário dos catalães, Josep Maria Bartomeu, e o anterior presidente, Sandro Rosell.

O DIS acusa os intervenientes no processo de fraude e corrupção, sustentando que lhe corresponde o equivalente a 40% dos 17,1 milhões de euros (ME) que o Barcelona pagou pelos direitos federativos de Neymar, de 23 anos, valor que considera estar abaixo do custo real da transação.

O Barcelona anunciou que a transferência do avançado brasileiro, em maio de 2013, custou 57,1 ME ao campeão espanhol e europeu, mas depois de uma investigação da justiça espanhola admitiu que a operação ascendeu, pelo menos, a 83,3 ME.

O fundo de investimento brasileiro, que recebeu 6,8 ME correspondentes aos 40% que detinha dos direitos federativos de Neymar, argumenta que tem direito a uma parte da diferença entre o valor inicialmente declarado e o valor real que o FC Barcelona assumiu mais tarde.
Lusa
  • "O que é isto, mamã?"
    36:23
  • Parlamento debate uso de animais no circo: as posições do PCP, Bloco e PAN
    2:03
  • ONU analisa proposta do Egito que visa anular decisão de Trump sobre Jerusalém
    1:27

    Mundo

    O Conselho de Segurança das Nações Unidas está a analisar um projeto de resolução que pretende rejeitar a decisão de Donald Trump de reconhecer Jerusalém como capital oficial de Israel. O projeto de resolução, proposto pelo Egito, deverá ser votado amanhã mas vai, seguramente, contar com o voto contra dos Estados Unidos.