sicnot

Perfil

Desporto

Confederação brasileira não vai recorrer do castigo imposto a Neymar

A Confederação Brasileira de Futebol não vai recorrer do castigo de Neymar e o jogador já deixou a concentração do Brasil na Copa América.

Inicialmente punido com dois jogos de suspensão, pelo amarelo e pela expulsão, no final do jogo com a Colômbia, Neymar viu o castigo ser aumentado para quatro jogos, depois de analisado o relatório do árbitro.

Inicialmente punido com dois jogos de suspensão, pelo amarelo e pela expulsão, no final do jogo com a Colômbia, Neymar viu o castigo ser aumentado para quatro jogos, depois de analisado o relatório do árbitro.

© Jorge Adorno / Reuters

Inicialmente punido com dois jogos de suspensão, pelo amarelo e pela expulsão, no final do jogo com a Colômbia, Neymar viu o castigo ser aumentado para quatro jogos, depois de analisado o relatório do árbitro.

O juiz da partida relatou que Neymar atingiu Pablo Armero com a bola e, já no acesso ao balneário, insultou o juiz chileno Enrique Osses, tendo sido, por isso, punido com quatro encontros de suspensão.
  • Lisboa assinala fim das obras no Saldanha
    2:39