sicnot

Perfil

Desporto

Rússia muito perto das 100 medalhas nos Jogos Europeus

A Rússia atingiu hoje as 94 medalhas na primeira edição dos Jogos Europeus, que decorrem em Baku até domingo, reforçando o seu domínio na competição com mais dois títulos e sete pódios.

BERND THISSEN/EPA

Em dia com duas finais de esgrima e sete de natação, foi justamente na piscina que os russos somaram os seus dois trinfos, através da estafeta feminina de 4x100 metros livres e de Maria Astashkina, nos 50 metros livres.

Melhor, em termos de triunfos, fez a Grã-Bretanha, com três medalhas de ouro, para a estafeta de 4x100 metros livres masculina, Abbie Wood, nos 400 metros estilos e Holly Hibott, nos 800 metros livres, ambos femininos.

A Ucrânia ganhou nos 50 metros mariposa masculinos (Andri Khloptsov) e a Alemanha nos 400 metros livres (Paul Hentschel), completando-se assim o quadro de vencedores do primeiro dia de natação.

Nos torneios individuais de sabre masculino e espada feminina venceram, respetivamente, o ucraniano Andriy Yagodka e a romena Ana Maria Branza.

No quadro de medalhas, a Rússia chega às 94, das quais metade são de ouro (47/25/22). O longínquo segundo é o Azerbaijão, país anfitrião, que hoje nada somou e mantém as 39 (14/11/14).

A Alemanha, com 34 (12/10/12), e a Grã-Bretanha, com 22 (11/3/8), aproximaram-se um pouco do segundo lugar global dos azeris.

Portugal, com oito medalhas (2/4/2), ocupa um 16.º lugar entre as nações, um pouco acima do meio da tabela - já há 40 países que subiram ao pódio.






Lusa
  • Prisão preventiva para homicida de Barcelos
    1:43

    País

    O alegado homicida de Barcelos vai ficar em prisão preventiva, por quatro crimes de homicídio. Adelino Briote foi ouvido este sábado de manhã no Tribunal de Braga, depois de na sexta-feira ter alegadamente degolado quatro pessoas na freguesia de Tamel, em Barcelos.

  • Homem suspeito de matar a mulher em Esmoriz

    País

    Um homem é suspeito de ter esfaqueado este sábado mortalmente a mulher em Esmoriz, concelho de Ovar, num contexto de violência doméstica, disse à agência Lusa fonte da Guarda Nacional Republicana (GNR).

  • Morte de portuguesa no Luxemburgo afinal não aconteceu

    País

    A morte de uma portuguesa em Bettembourg, no sul do Luxemburgo, não terá acontecido. O Jornal do Luxemburgo avançou, esta manhã, que a emigrante portuguesa tinha sido baleada mortamente pelo filho, uma informação entretanto desmentida por outro jornal online. Segundo o Bom Dia Luxemburgo, o que aconteceu foi afinal uma rusga policial.

  • Estamos quase na hora de verão

    País

    Esta madrugada muda a hora. Quando for 1h00, os relógios adiantam para as 2h00. Será uma noite com menos tempo de sono, mas os dias vão ficar mais longos com o chamado horário de verão.

  • Hora do Planeta, apagam-se as luzes para despertar consciências
    2:19
  • Milhares nas cerimónias fúnebres de dirigente do Hamas

    Mundo

    Milhares de palestinianos participaram nas cerimónias fúnebres de um dirigente do Hamas, assassinado esta sexta-feira, na Faixa de Gaza. Vários homens armados acompanharam o cortejo fúnebre até à mesquita, onde se fizeram as últimas orações.