sicnot

Perfil

Desporto

Sporting e Marco Silva chegam a acordo

O Sporting anunciou hoje que chegou a acordo com Marco Silva para rescindir o contrato, em comunicado enviado pelo clube da I Liga portuguesa de futebol à Comissão do Mercado dos Valores Mobiliários (CMVM).

© Srdjan Zivulovic / Reuters

"O Conselho de Administração da Sporting Clube de Portugal -- Futebol, SAD vem informar que foi formalizada a revogação por mútuo acordo do contrato de trabalho desportivo entre a Sporting SAD e o treinador da equipa principal de futebol da época transata, Marco Silva", lê-se no comunicado.

Os 'leões' informam que também chegaram a acordo "com os restantes elementos da sua equipa técnica, João Sousa, Gonçalo Pedro e José Sampaio ('Rifa')".

O Sporting anunciou no início de junho, em comunicado e um dia depois de ser noticiada a contratação de Jorge Jesus, a intenção de rescindir "com efeitos imediatos" e por justa causa o contrato com Marco Silva.

Em comunicado enviado à Comissão do Mercado dos Valores Mobiliários (CMVM), o Sporting complementa a informação dizendo que não foi possível chegar a acordo para a rescisão de contrato com o treinador.

A 11 de junho, o advogado de Marco Silva afirmou ter apresentado à SAD do Sporting a resposta à nota de culpa, escusando-se a dizer quais os argumentos utilizados.

No início de julho, em comunicado, o presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, garantiu que o treinador Marco Silva faltou ao respeito ao clube da I Liga de futebol em várias ocasiões e que foi isso que levou ao seu despedimento.

"Ao trabalhar com Marco Silva, vi-me involuntariamente envolvido num conjunto de episódios em que este demonstrou, no nosso entendimento, falta de respeito para com o clube e para com a estrutura que com ele trabalhava", lê-se na mensagem do líder 'verde e branco'.

Garantindo que não estava em causa o valor como treinador de Marco Silva, "cujas qualidades técnicas não se colocam em causa", Bruno de Carvalho "realça circunstâncias pessoais" que deixaram "revoltados e desapontados, de forma extremamente grave", os responsáveis 'leoninos', que levou o clube a "instaurar um processo disciplinar com vista ao seu despedimento com justa causa".

"Foram esses (vários) episódios que serviram como fator de constante desestabilização do normal relacionamento institucional, tornando a situação insustentável", afirmou.

Depois de dois anos em que conduziu o Estoril-Praia às competições europeias, Marco Silva chegou no início da temporada ao Sporting para substituir Leonardo Jardim, que se tinha transferido para o Mónaco.

Na sua primeira época num 'grande', Marco Silva, de 37 anos, alcançou o terceiro lugar no campeonato, apurando-se para o 'play-off' da Liga dos Campeões, e conquistou a Taça de Portugal, pondo fim a um jejum de sete anos sem títulos.

Contudo, ao longo da temporada foram sendo noticiadas desavenças e o crescente distanciamento entre o treinador e o presidente do clube, Bruno de Carvalho.

 

Lusa

  • Marcelo de volta a casa após diagnóstico de gastroenterite aguda
    3:37
  • "Todas as decisões que tomei foi sempre a pensar no Sporting primeiro"
    2:08
  • Saransk tanto anseia por Ronaldo que até lhe fizeram um vídeo e uma música
    3:07
  • Portugal quer atrair imigrantes
    1:28

    País

    O Governo prepara-se para regularizar a situação de 30 mil imigrantes ilegais que vivem em Portugal. De acordo com a edição deste sábado do semanário Expresso, o Executivo pretende também abrir portas a 75 mil novos imigrantes por ano.