sicnot

Perfil

Desporto

Marco Silva agradece apoio recebido no Sporting

O novo treinador dos gregos do Olympiacos, o português Marco Silva, agradeceu hoje aos adeptos do Sporting, aos futebolistas dos leões e aos que "contribuíram com o seu trabalho diário".

MANUEL DE ALMEIDA / Lusa

"A vida de um treinador é feita de mudança e chegou a hora de abraçar um novo desafio, como treinador do Olympiacos, na Grécia, a minha primeira experiência fora de Portugal. Não posso, contudo, esquecer o último ano ao serviço do Sporting Clube de Portugal, nem deixar de proferir uma palavra de apreço pela forma como fui acolhido em Alvalade", começou por escrever o técnico, de 37 anos.

Depois de três temporadas no comando técnico do Estoril-Praia, levando o clube "canarinho" à I Liga e depois à Liga Europa, Marco Silva treinou o Sporting na época passada, conquistando a Taça de Portugal e concluído o campeonato no terceiro lugar.

O contrato com os "verdes e brancos", que era válido até ao fim da época 2017/18 foi interrompido, levando o técnico à sua primeira experiência no estrangeiro, sem, contudo, agradecer aos que consigo colaboraram no Sporting.

"Para os adeptos fica o meu agradecimento, por mim e por toda a equipa, pelo apoio que foi essencial na tarefa de lidar com as adversidades que sempre surgem durante uma época desportiva. Na minha memória ficam, também, os jogadores, pelo esforço e união, e todos aqueles que, na equipa técnica e no 'staff' de apoio, contribuíram com o seu trabalho diário para que pudéssemos lutar pelos nossos objetivos", acrescentou Marco Silva, rematando com o desejo de "maiores felicidades futuras para o Sporting Clube de Portugal".

No pentacampeão helénico, Marco Silva sucede ao compatriota Vítor Pereira, que rumou aos turcos do Fenerbahçe, tornando-se no terceiro luso a comandar o clube do Pireu, após o seu antecessor nos 'leões' Leonardo Jardim, atual treinador dos franceses do Mónaco ter feito a 'viagem' inversa -- dos gregos para o Sporting - no início de 2013/14.

Lusa

  • Outros casos de fuga de prisões portuguesas
    2:58

    País

    Nos últimos cinco anos, 52 reclusos fugiram de cadeias portuguesas, mas foram todos recapturados. Entre 1999 e 2009, fugiram oito reclusos da prisão de Caxias. Em 2005, um homem condenado a 21 anos de prisão fugiu de Coimbra, viajando por França e pela Polónia. Manuel Simões acabou por ser detido no regresso a Portugal.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Táxi capaz de sobrevoar filas de trânsito ainda este ano no Dubai

    Mundo

    É o sonho de muitos que passam horas intermináveis em filas de trânsito. Trata-se de um drone com capacidade para transportar pessoas. "Operações regulares" deste insólito aparelho terão início em julho, no Dubai. O anúncio foi feito pela entidade que gere os transportes da cidade. Apenas um passageiro, com o peso máximo de 100 kg, pode seguir viagem neste táxi revolucionário, capaz de sobrevoar vias congestionadas pelo trânsito.