sicnot

Perfil

Desporto

Sporting esclarece que tempo de paragem de William Carvalho mantém-se entre 10 a 12 semanas

O Sporting esclareceu esta sexta-feira que a paragem do futebolista William Carvalho será de 10 a 12 semanas, devido a fratura na tíbia esquerda, referindo que o tempo em que o jogador vai estar afastado não será reduzido.

O médio William Carvalho tem estado fora dos trabalhos da equipa orientada por Jorge Jesus devido a uma fratura de stress da tíbia esquerda. (Arquivo)

O médio William Carvalho tem estado fora dos trabalhos da equipa orientada por Jorge Jesus devido a uma fratura de stress da tíbia esquerda. (Arquivo)

© Miguel Vidal / Reuters

"O tempo de recuperação da lesão do jogador William Carvalho não foi, nem será reduzido face ao inicialmente previsto, de 10 a 12 semanas", refere o boletim clínico dos 'leões'.

O Sporting salienta que o "tipo de fratura e a sua localização" determinam que o tempo de paragem do internacional português previsto inicialmente não seja encurtado.

O médio William Carvalho tem estado fora dos trabalhos da equipa orientada por Jorge Jesus devido a uma fratura de stress da tíbia esquerda.

A lesão do médio foi comunicada pelo Sporting no dia seguinte ao regresso do jogador aos trabalhos, depois de ter estado presente no Europeu de sub-21, com o clube a referir que o jogador se lesionou ao serviço da seleção e que não foi informado.

A Federação Portuguesa de Futebol informou que o médio "não apresentou queixas incapacitantes e nunca trabalhou de forma condicionada durante o Europeu de sub-21" e que é procedimento do organismo informar de imediato os clubes cujos jogadores sofrem lesões incapacitantes ao serviço das seleções nacionais.

Lusa

  • "O bom senso obriga a acordo para a estabilização do sistema financeiro"
    2:06

    Economia

    O Presidente da República disse esta quarta-feira que "o bom senso obriga a que todos estejam de acordo para a estabilização do sistema financeiro". Num aparente recado a Passos Coelho, Marcelo apelou a um consenso de regime e avisou que "não há prazer tático que justifique o desgaste" provocado pelas divisões atuais.

  • Uma alternativa aos serviços de enfermagem ao domicílio
    7:34
  • Familiares de vítimas procuram destroços do MH370
    1:48

    Voo MH370

    Um grupo de familiares das vítimas do avião das linhas aéreas da Malásia, desaparecido em 2014, procuram destroços do aparelho em Madagáscar. As autoridades malaias estudam a posssibilidade de uma nova operação de buscas.

  • Primeiro-ministro em lágrimas ao reencontrar refugiado que recebeu no Canadá em 2015

    Mundo

    Justin Trudeau desfez-se em lágrimas no reencontro com um refugiado sírio, que ele recebeu no Canadá em 2015. No ano passado, Trudeau recebeu pessoalmente os refugiados no aeroporto, onde foi visto a entregar casacos de inverno aos migrantes. Esta segunda-feira, o primeiro-ministro conheceu algumas das famílias que se estabeleceram no país, numa reunião filmada pela emissora canadiana CBC.