sicnot

Perfil

Desporto

Pablo Osvaldo esperado no FC Porto para assinar contrato por duas épocas

O avançado italo-argentino Pablo Osvaldo é esperado esta terça-feira no Porto. De acordo com a imprensa, o avançado deve chegar à Invicta para assinar um contrato por duas temporadas.

O jogador, nascido na Argentina mas com nacionalidade italiana, assinou na semana passada pelo Sud América, do segundo escalão do Uruguai, que agora o deve emprestar ao FC Porto. (Arquivo)

O jogador, nascido na Argentina mas com nacionalidade italiana, assinou na semana passada pelo Sud América, do segundo escalão do Uruguai, que agora o deve emprestar ao FC Porto. (Arquivo)

© Stefano Rellandini / Reuters

O jogador, nascido na Argentina mas com nacionalidade italiana, assinou na semana passada pelo Sud América, do segundo escalão do Uruguai, que agora o deve emprestar ao FC Porto.

Osvaldo, de 29 anos de idade, terá de fazer exames médicos antes de ser oficialmente 'dragão'.

A confirmar-se, será o nono reforço para a equipa de Julen Lopetegui, depois de Casillas, Gudiño, Maxi Pereira, Imbula, Danilo Pereira, André André, Sérgio Oliveira e Alberto Bueno.

  • Passos acusa Governo de "sacudir água do capote"

    País

    O líder do PSD, Pedro Passos Coelho, acusou este sábado o Governo de "sacudir a água do capote" para não assumir a responsabilidade pelo que está a ser decidido, usando uma política de comunicação que considerou ser um "embuste".

  • Quase 200 polícias solidários com agentes acusados
    2:29

    País

    Perto de 200 polícias manifestaram-se este sábado na sede da PSP em Alfragide, em solidariedade com os 18 agentes acusados no processo Cova da Moura. O Sindicato Nacional de Polícia associou-se ao protesto e diz existir um aproveitamento político do caso.

  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.