sicnot

Perfil

Desporto

Ex-presidente do Catânia impedido de entrar em estádios por cinco anos

O ex-presidente do Catânia Antonino Pulvirenti, acusado de viciação de resultados para evitar a despromoção do clube de futebol, foi hoje proibido de participar em manifestações desportivas e de entrar em estádios durante cinco anos.

AP

A decisão foi tomada pelo chefe da Polícia de Catânia, Marcello Cardona, que aplicou o protocolo Daspo, que proíbe o acesso a manifestações desportivas.

Em conferência de imprensa, Cardona explicou que a medida tem como objetivo impedir Antonino Pulvirenti e o ex-administrador delegado Pablo Cosentino de entrarem em estádios "onde a sua presença pode representar um perigo para a ordem pública".

O responsável policial lembrou que vários adeptos do Catânia se têm manifestado publicamente contra Pulvirenti e outros antigos dirigentes do clube.

Marcello Cardona disse ainda que pretende alargar a medida a outros cinco antigos dirigentes implicados no escândalo de viciação de resultados.

O presidente do Catania foi detido a 23 de junho com mais seis pessoas pela polícia italiana, sob acusação de ter 'comprado' jogos da Serie B (segunda divisão) para impedir a descida de divisão da equipa.

Durante o inquérito, Antonino Pulvirenti confessou ter comprado cinco partidas por 100.000 mil euros cada, com o objetivo de salvar o clube de futebol siciliano da descida ao terceiro escalão de Itália.

O Catania, que desceu à Serie B no final da temporada 2013/2014, terminou esta época em 15.º lugar, três lugares acima do 'play-off' de permanência.

Lusa

  • Encontrado corpo de mariscador desaparecido no Barreiro

    País

    O corpo do homem com cerca de 50 anos apareceu esta manhã junto ao Clube Naval do Barreiro, na mesma zona onde tinha desaparecido na noite deste sábado. A informação já foi confirmada à SIC pela Polícia Marítima, que adiantou que o corpo já foi levado para a morgue. O alerta foi dado por volta das 22:30 de ontem pelos companheiros de nacionalidade chinesa que estavam com a vítima na apanha de bivalves na margem sul do Tejo.

  • IPSS despejada nos Açores
    2:25

    País

    A IPSS Aurora Social, de Ponta Delgada, nos Açores, foi notificada pelo tribunal a abandonar a cozinha onde, há mais de 20 anos, fornece comida a quem mais precisa. A decisão judicial partiu de uma queixa dos moradores e põe em causa os postos de trabalho de 13 funcionárias, a maioria com deficiência. Há dois anos que a Secretaria Regional de Solidariedade Social dos Açores tenta encontrar uma alternativa à cozinha, que tem licença da câmara.

  • Pais revoltados com transporte de crianças do Mogadouro
    4:14

    País

    Os pais dos alunos de algumas aldeias de Mogadouro estão preocupados com a falta de segurança do transporte dos filhos para a escola, na sede de concelho. Os pais contestam o autocarro degradado, que avaria com frequência, e a falta de cintos de segurança em percursos rurais com dezenas de quilómetros.

  • Quer conhecer os cães mais feios do mundo?
    1:15
  • Líder do Daesh abatido durante fuga

    Daesh

    Um líder do Daesh e o assistente foram abatidos pela polícia iraquiana, em Mossul. A notícia é avançada pela agência EFE que esclarece que os dois homens terão sido mortos enquanto fugiam do Oeste para Este da cidade iraquiana através do rio Tigre.