sicnot

Perfil

Desporto

Petit diz que "Boavista preparou-se para entrar com uma vitória" em Setúbal

O treinador Petit admitiu esta sexta-feira que o Boavista "preparou-se nas últimas seis semanas para entrar com uma vitória no campeonato", já no domingo, na visita ao Vitória de Setúbal, na jornada inaugural da I Liga de futebol.

(Arquivo)

(Arquivo)

FERNANDO VELUDO / Lusa

O técnico da equipa boavisteira esclareceu, em conferência de imprensa de antevisão ao jogo no Bonfim, que "os jogadores estão ansiosos por começar o campeonato", mas garantiu que "o principal objetivo é vencer".

Para Petit "é complicado analisar o adversário" pelos desempenhos que teve durante a pré-época, mas salientou, no entanto, que o "importante é que os jogadores do Boavista consigam estar preparados e saibam o que fazer dentro de campo".

"Vai ser um jogo entre dois históricos do futebol. Espero que seja um bom jogo, com muitos adeptos. Espero que os jogadores se divirtam e que o Boavista saia de Setúbal com o dever cumprido", referiu o técnico 'axadrezado'.

Petit mostrou-se satisfeito com o desempenho dos reforços contratados, mas admitiu que o plantel pode ainda não estar fechado.

"Os jogadores que chegaram adaptaram-se bem. Nestas seis semanas conseguiram entender o que é o clube e o futebol português. Estou muito satisfeito com os reforços mas agora eles têm que perceber que os jogos valem pontos e que têm que estar concentrados. Entrega total foi o que pedi", disse o treinador.

O técnico boavisteiro acredita que o Boavista "está a melhorar de ano para ano", salientando que "não foi fácil o regresso à I Liga".

"Acredito que estamos melhor preparados. E agora queremos consolidar o Boavista na I Liga", disse ainda.

O Boavista joga este domingo com o Vitória de Setúbal, no Estádio no Bonfim, numa partida da primeira jornada da I Liga que será arbitrada por Vasco Santos (Porto).

Lusa

  • Incêndios causaram 76 feridos no espaço de uma semana
    0:34

    País

    No espaço de uma semana, 76 pessoas ficaram feridas, incluindo seis com gravidade, durante os incêndios florestais. Na conferência de imprensa desta tarde, a Proteção Civil explicou que há cinco planos municipais de emergência ativos por causa das chamas.

  • Marine devolve bandeira do Japão 73 anos depois 
    2:13

    Mundo

    Setenta e três anos depois da batalha mais sangrenta do Pacífico, um veterano dos Estados Unidos cumpriu uma promessa pessoal. Marvin Strombo devolveu à família a bandeira da sorte de um soldado japonês, morto em 1944, em Saipan, na II Guerra Mundial. 

  • Autoridades usam elefantes para resgatar pessoas das cheias na Ásia
    1:31

    Mundo

    Mais de 215 pessoas morreram nas inundações que estão a devastar o centro da Ásia, e estima-se que três milhões tiveram de abandonar as casas. As autoridades estão a usar elefantes para resgatar locais e turistas das zonas mais afetadas e avisam que há dezenas de pessoas desaparecidas.