sicnot

Perfil

Desporto

Jefferson é baixa para a visita do Sporting ao CSKA Moscovo

O defesa esquerdo brasileiro Jefferson é baixa para a visita do Sporting ao CSKA Moscovo, na quarta-feira, em jogo da segunda mão do 'play-off' da Liga dos Campeões de futebol.

Lusa

O Sporting confirmou hoje mesmo que o lateral, substituído por Jonathan Silva, no empate caseiro 1-1 frente ao Paços de Ferreira, aos 71 minutos, apresenta queixas dolorosas na coxa esquerda.

Para a visita ao CSKA Moscovo, na qual os 'leões' entram com uma vantagem de 2-1, trazida do jogo da primeira mão, o técnico Jorge Jesus levou 22 futebolistas.

Relativamente à receção ao Paços de Ferreira, além da saída Jefferson, regista-se a entrada na convocatória do guarda-redes Azbe Jug, do defesa Ricardo Esgaio e dos médios Bruno Paulista e André Martins.

O encontro está agendado para as 19:45 (horas de Lisboa) na quarta-feira, na Arena Khimki, e será dirigido pelo árbitro checo Pavel Královec.

No primeiro jogo o Sporting adiantou-se no marcador por Teo Gutiérrez, aos 12 minutos, consentiu o empate aos 47 por Doumbia -- que já tinha falhado uma grande penalidade -, e garantiu a vantagem por Slimani, aos 82.

Lusa

  • Sporting parte desfalcado para Moscovo
    0:53

    Desporto

    O Sporting partiu desfalcado para Moscovo. Jefferson ficou em Lisboa e está lesionado. Depois de amanhã os leões jogam com o CSKA de Moscovo a segunda mão do play-off de acesso à Liga dos Campeões.

  • Cristiano Ronaldo responde aos assobios

    Desporto

    Cristiano Ronaldo foi muito assobiado pelos adeptos do Sporting de Gijón, no jogo de ontem do Real Madrid na liga espanhola. À noite, publicou uma mensagem nas redes sociais onde pode ler-se "O vosso amor torna-me mais forte. O vosso ódio torna-me imparável".

  • Rajadas de vento em Moscovo atingem os 110 km/hora
    0:57

    Mundo

    A passagem de uma tempestade por Moscovo fez pelo menos 11 mortos e mais de 50 feridos. Os ventos fortes, que chegaram aos 110 km/hora, destruíram carros e telhados e provocaram atrasos nos transportes. Na região de Stavropol, mais de 60 mil pessoas foram retiradas de casa por perigo de cheias.