sicnot

Perfil

Desporto

Tenista Pennetta vence final do US Open e anuncia despedida do circuito

Flavia Pennetta conquistou hoje o primeiro 'Grand Slam' na vertente singulares da carreira, ao derrotar a compatriota Roberta Vinci, por 7-6 (7-4) e 6-2, numa inédita final 100% italiana após a qual anunciou a sua retirada.

© Mike Segar / Reuters

Sair pela 'porta grande' talvez seja a melhor forma de classificar a última época de Pennetta, já que, após conquistar o maior título da sua carreira, e momentos antes de receber a taça, a italiana anunciou que se irá retirar do circuito profissional no final da temporada, depois de 15 anos no WTA.

"Esta é a forma de que mais gostaria de dizer adeus ao ténis. Creio que é o que todos os jogadores desejam, sair a ganhar um grande troféu", explicou.

Na final com idades combinada mais elevada da era Open (66 anos e 19 dias), e na primeira que opôs duas italianas, a lógica do 'ranking' acabou por prevalecer, com a número 26 da hierarquia a 'bater' à 43.ª.

O primeiro 'set', equilibrado, acabou por ser decidido no 'mata-mata', com Pennetta a superiorizar-se no 'tie-break' por 7-4, num parcial que teve a duração de uma hora.

Já no segundo, Vinci pareceu acusar a derrota no primeiro 'set' e acabou também por 'pagar a fatura' do cansaço acumulado depois da dura 'batalha' na meia-final de sexta-feira, frente à número um mundial Serena Williams, acabando derrotada por claros 6-2.

"Foi duro. Estava muito cansada. Perdi a final, mas estou muito contente comigo e também pela Flavia", afirmou Vinci.

Em apenas 33 minutos, Pennetta conquistou o parcial que lhe garantiu o primeiro título de um 'major' em singulares, depois de sair vitoriosa em pares na edição de 2011 do Open da Austrália, sucedendo assim à norte-americana Serena Williams, vencedora das últimas três edições.

Lusa

  • Primeiro-ministro holandês liga a Costa para explicar palavras de Dijsselbloem
    2:23

    País

    António Costa pediu que Djisselbloem desaparecesse da Presidência do Eurogrupo. Após esta tomada de posição, o primeiro-ministro holandês ligou para Costa na semana passada a dar explicações. Contudo, o primeiro-ministro português não recua e volta a dizer que Dijsselbloem não tem condições para continuar, na sequência das declarações sobre copos e mulheres. Os eurodeputados do Partido Popular Europeu reforçaram também esta terça-feira o pedido de demissão.

  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45

    País

    Há um surto de hepatite A em Portugal. Desde janeiro, 105 pessoas foram diagnosticadas na região de Lisboa e Vale do Tejo, um número superior aos casos contabilizados em todo o país nos últimos 40 anos. O surto terá começado na Holanda e está a atingir quase toda a Europa.

  • Abertura da lagoa de Santo André atrai surfistas e bodyboarders
    4:15
  • Novo vídeo do Daesh mostra crianças a treinar para matar
    3:35
  • Kennedy acreditava que Hitler estava vivo

    Mundo

    Um diário de John F. Kennedy vai a leilão em Boston, nos Estados Unidos da América. O diário foi escrito durante a sua breve carreira como jornalista, depois da 2.ª Guerra Mundial. No livro, foram expostas algumas teorias do antigo Presidente norte-americano, como a possibilidade de Hitler estar vivo.

    Ana Rute Carvalho

  • Trump propõe cortes orçamentais para pagar muro

    Mundo

    O Presidente dos Estados Unidos está a propor cortes de milhões de dólares no orçamento para que os contribuintes norte-americanos, e não o México, paguem o muro a construir na fronteira entre os dois países.

  • Tecnologia permite a tetraplégico mexer mão e braço

    Mundo

    Um homem que ficou tetraplégico num acidente voltou a mover-se com a ajuda da tecnologia e apenas usando o pensamento, num projeto de investigadores dos Estados Unidos divulgado esta terça-feira na revista especializada em medicina The Lancet.