sicnot

Perfil

Desporto

Fábio Coentrão decisivo na vitória do Mónaco em Montpellier

O Mónaco foi esta quinta-feira a Montpellier vencer por 3-2, depois de ter estado a perder por 2-0, em jogo da sétima jornada da liga francesa de futebol, no qual Fábio Coentrão marcou um golo e sofreu o penálti que garantiu o triunfo.

O internacional português foi decisivo para a vitória monegasca, já que foi o autor do primeiro golo da sua equipa e foi sobre ele que ao minuto 90+4 o guarda-redes do Montpellier, Jonathan Ligali, cometeu falta para grande penalidade. (Arquivo)

O internacional português foi decisivo para a vitória monegasca, já que foi o autor do primeiro golo da sua equipa e foi sobre ele que ao minuto 90+4 o guarda-redes do Montpellier, Jonathan Ligali, cometeu falta para grande penalidade. (Arquivo)

© Eric Gaillard / Reuters

O internacional português foi decisivo para a vitória monegasca, já que foi o autor do primeiro golo da sua equipa e foi sobre ele que ao minuto 90+4 o guarda-redes do Montpellier, Jonathan Ligali, cometeu falta para grande penalidade.

A primeira parte foi completamente dominada pelo Montpellier, lanterna-vermelha, que traduziu a supremacia em dois golos, o primeiro marcado aos 26 minutos pelo defesa central Daniel Congré, e o segundo em cima do intervalo, através de um autogolo do argentino Guido Carrillo.

No segundo tempo, o treinador português Leonardo Jardim tentou virar o rumo dos acontecimentos com a entrada do compatriota Bernardo Silva e a saída de outro luso, Ivan Cavaleiro, sem arriscar muito, mas a melhoria na produção atacante foi evidente.

Na sequência de um pontapé de canto na direita, aos 56 minutos, a bola foi tocada por uma defesa da casa e foi cair na zona do segundo poste, onde estava Coentrão, que a dominou e rematou para o fundo das redes.

O Mónaco reentrou na discussão do jogo, ganhou confiança e passou a assumir a iniciativa perante um adversário que passou quase toda a segunda parte a gerir a vantagem e a tentar explorar em contra-ataque a subida do Mónaco no terreno.

Aos 65 minutos, num lance iniciado na direita por Bernardo Silva, o Mónaco conseguiu fazer o 2-2 por Thomas Lemar, a dar o melhor seguimento junto ao segundo poste a um cruzamento rasteiro, da direita, que passou por toda a defesa do Montpellier.

A vitória acabaria por 'cair do céu' para o Mónaco aos 90+4, graças a um erro crasso do guarda-redes Jonathan Liagali, que largou uma bola relativamente fácil na sequência de um cruzamento e derrubou Fábio Coentrão em plena área, daí resultando o penálti que Fabinho converteu no golo do triunfo monegasco.

Pelo Mónaco alinhou ainda o internacional português Ricardo Carvalho, enquanto o médio João Moutinho ficou de fora devido a uma distensão na virilha.

Com este triunfo, a equipa de Leonardo Jardim subiu ao 10.º lugar com 11 pontos, numa tabela liderada pelo Paris Saint-Germain, com 17 pontos, seguido do Saint-Étienne, com 16.

A sétima jornada encerra na próxima terça-feira com a partida Lille-Nantes.

Lusa

  • "Temos de jogar melhor do que frente à Espanha"
    0:45
  • Ronaldo é o jogador que mais preocupa os marroquinos
    2:35
  • Recorda-se de Tahar? O ex-futebolista marroquino que já jogou em Portugal
    6:10
  • "Somos 11 milhões, queremos ser campeões e as russas são grandes canhões"
    3:54
  • Denis Cheryshev: o orgulho dos anfitriões

    Mundial 2018 / Rússia

    O avançado Denis Cheryshev foi eleito o Homem do Jogo entre Rússia e Egito, que os russos venceram por 3-1. Marcou o segundo golo dos anfitriões, o terceiro em nome próprio no Mundial e juntou-se a Cristiano Ronaldo no topo da lista de melhores marcadores. Aos 27 anos e a jogar o primeiro Mundial da carreira, Cheryshev continua a assumir-se como um dos principais rostos da esperança russa para o sucesso desta campanha. Depois de já ter sido o melhor em campo no triunfo sobre a Arábia Saudita, a nação anfitriã vê-o como uma espécie de porta-estandarte do orgulho russo na defesa da pátria.

  • Gato Achilles acerta no resultado do Rússia-Egito

    Desporto

    O gato Achilles é o adivinho dos jogos do Mundial na Rússia. Depois de ter acertado na vitória da Rússia frente à Arábia Saudita, o felino voltou a apostar na equipa certa, com os russos a vencerem esta terça-feira o Egipto por 3-1.

  • Os momentos que marcaram o 6.º dia de Mundial
    0:58
  • Ronaldo no País dos Sovietes: O espetáculo fora das quatro linhas
    2:30
  • "Quando o Cristiano Ronaldo te convidar para almoçar, recusa"

    Desporto

    Na possibilidade de ser convidado por Cristiano Ronaldo para um almoço ou jantar, recuse. Este é o conselho de Patrice Evra, que revelou o "sofrimento" que passou quando aceitou almoçar em casa do capitão da seleção nacional, na altura em que ambos jogavam pelo Manchester United. O jogador francês falou sobre a comida "demasiado saudável" e o exercício que acabou por ter de fazer, enquanto podia estar a descansar.

    SIC

  • "Quero ir com a minha tia", o desespero das crianças afastadas dos pais nos EUA
    2:11

    Mundo

    A nova política de imigração de Donald Trump está a suscitar reações indignadas. Na fronteira com o México, as crianças refugiadas estão a ser retiradas à força aos pais e levadas para centros de acolhimento. Esta terça-feira, foi divulgado um registo áudio de uma criança a suplicar pelos pais a um dos agentes da polícia fronteiriça.

  • Protecionismo de Trump abala Wall Street

    Economia

    Abalada pela exacerbação das disputas comerciais entre os EUA e a China, a bolsa nova-iorquina encerrou esta terça-feira em baixa, com o seletivo Dow Jones a fechar em queda pela sexta sessão consecutiva.