sicnot

Perfil

Desporto

Justiça espanhola com processo a Javier Mascherano por fraude fiscal

A justiça espanhola abriu hoje um processo contra o futebolista internacional argentino Javier Mascherano, do FC Barcelona, por, alegadamente, ter fugido ao pagamento de 1,5 milhões de euros em impostos.

© Marcos Brindicci / Reuters

O médio argentino é suspeito de ter utilizado empresas estrangeiras para ocultar do fisco espanhol receitas provenientes dos seus direitos de imagem referentes a um período entre 2011 e 2012.

Em setembro, face à investigação discal, o futebolista devolveu 1,5 milhões de euros, acrescidos de 200.000 euros de juros, na perspetiva de uma redução de pena, em caso de condenação.

De acordo com a procuradoria, o jogador "desenvolveu uma estratégia" com o objetivo de "não declarar as receitas obtidas com a marca Nike, simulando a cedência de direitos a uma empresa meramente instrumental, sediada na Madeira, em Portugal".

A procuradoria defende que o jogador defraudou as autoridades tributárias espanholas em 587.822 euros em 2011 e 968.907 em 2012.

As alegadas ações de Mascherano para fugir aos impostos serão similares às imputadas a Messi, seu companheiro de equipa e compatriota, que enfrenta também um processo na justiça espanhola, por evasão fiscal em matéria de direitos de imagem, em valores que ascendem a 4,16 milhões de euros.

Lusa

  • Derrocada de muro em Lisboa obriga à retirada de 40 pessoas de 5 prédios
    2:14

    País

    Os moradores de três prédios de Lisboa não podem regressar tão cedo a casa. Durante a madrugada, a derrocada de um muro obrigou à retirada de 40 pessoas de cinco edifícios. Um dos inquilinos sofreu ferimentos ligeiros. Entretanto, a maioria dos residentes já foi realojada em casas de familiares e num hotel.

  • Comitiva portuguesa terminou visita à central de Almaraz

    País

    A visita técnica da delegação portuguesa e da Comissão Europeia à central nuclear de Almaraz, em Espanha, realizou-se esta segunda-feira. A visita serviu para Portugal se inteirar sobre o funcionamento da central e sobre o projeto de construção de uma instalação para armazenamento de resíduos radioativos.

  • O Nokia 3310 está de volta
    1:16

    Economia

    A Nokia chegou a ser uma das maiores empresas do mundo devido ao fabrico de telemóveis. Caiu, mas acaba de fazer renascer um dos sucessos de vendas do início do milénio. O anúncio foi feito este domingo, em Barcelona.