sicnot

Perfil

Desporto

UEFA abre inquérito disciplinar ao Benfica por incidentes no Vicente Calderón

A UEFA abriu hoje um inquérito disciplinar ao Benfica, por incidentes provocados por adeptos 'encarnados' no jogo de quarta-feira no terreno do Atlético de Madrid, na segunda jornada do Grupo C da Liga dos Campeões de futebol.

Poucos momentos depois de o Benfica ter conseguido chegar à igualdade, através do argentino Nicolas Gaitán, adeptos 'encarnados' acenderam tochas e lançaram-nas sobre seguidores 'colchoneros'. Outras foram atiradas para o relvado, obrigando a uma paragem momentânea do jogo.

Poucos momentos depois de o Benfica ter conseguido chegar à igualdade, através do argentino Nicolas Gaitán, adeptos 'encarnados' acenderam tochas e lançaram-nas sobre seguidores 'colchoneros'. Outras foram atiradas para o relvado, obrigando a uma paragem momentânea do jogo.

© Susana Vera / Reuters

Segundo a nota publicada no site oficial do organismo, em causa estão "distúrbios de adeptos, lançamento de objetos e tochas". Foi também instaurado um inquérito ao Atlético de Madrid por "bloqueamento de escadas" do estádio Vicente Calderón.

O processo será julgado a 15 de outubro pelo Comité de Controlo, Ética e Disciplina.

Na reta final do primeiro tempo do jogo, que o Benfica venceu por 2-1, poucos momentos depois de o clube da Luz ter conseguido chegar à igualdade, através do argentino Nicolas Gaitán, adeptos 'encarnados' acenderam tochas e lançaram-nas sobre seguidores 'colchoneros'.

Outras foram atiradas para o relvado e forçaram a uma paragem momentânea do jogo.

No final do encontro, o presidente do clube português, Luís Filipe Vieira, mostrou-se descontente com os desacatos provocados por alguns adeptos 'encarnados'.

"Infelizmente, meia dúzia de adeptos provocaram os desacatos que provocaram. Ainda não sabemos que consequências poderemos vir a ter. O que é certo é que essas pessoas devem pensar seriamente que prejudicaram gravemente o Benfica", afirmou Luís Filipe Vieira no final do jogo.

Luís Filipe Vieira aproveitou ainda para pedir desculpas aos adeptos e dirigentes do clube madrileno pelo ocorrido no Vicente Calderón.

  • Militares tentam acabar com guerra entre traficantes na Rocinha, Rio de Janeiro
    3:07

    Mundo

    As últimas horas têm sido de tensão no Rio de Janeiro depois dos tiroteios que começaram desde que uma das principais favelas da cidade foi ocupada por militares na sexta-feira. As forças federais foram acionadas para auxiliarem a polícia, que há vários dias tenta acabar com a guerra entre fações de traficantes de droga.

  • Irão lança míssil de médio alcance
    1:13

    Mundo

    Três dias depois do discurso hostil de Donald Trump nas Nações Unidas, o Irão testou um novo míssil de médio alcance que atingiu uma altura de dois mil quilómetros. Teerão diz que o teste não viola o acordo nuclear.

  • Trump renovou as ameaças à Coreia do Norte
    1:30
  • Atrás das Câmaras em Pedrógão Grande
    3:37
    Atrás das Câmaras

    Atrás das Câmaras

    DIARIAMENTE NA SIC E SIC NOTÍCIAS

    A carrinha do "Atrás das Câmaras" continua pelo país a mostrar aquilo que alguns políticos ignoram. Este sábado a equipa da SIC esteve em Pedrógão Grande, 99 dias após o incêndio que fez 64 mortos e 200 feridos.

  • Morreu Charles Bradley, uma das lendas do soul

    Cultura

    O cantor Charles Bradley morreu este sábado aos 68 anos. O músico norte-americano foi diagnosticado com cancro no ano passado. A notícia da morte foi confirmada na página oficial do cantor no Facebook.