sicnot

Perfil

Desporto

Comissão antiviolência espanhola pede multas de 60 mil euros para adeptos do Benfica

A Comissão Nacional Antiviolência propõe multas de 60.001 euros a cada um dos cinco adeptos do Benfica que lançaram tochas durante o jogo da Liga dos Campeões de futebol com o Atlético de Madrid, no estádio Vicente Calderón.

ALBERTO MARTIN

Além disso, recomendou sanções de 6.000 euros para cada um dos adeptos 'encarnados' que, não tendo lançado, acenderam várias tochas dentro do estádio e propôs que os oito visados, todos identificados, sejam proibidos de entrar em recintos desportivos por um ano.

A comissão propôs também uma multa de 8.000 euros para o Atlético de Madrid "por deficiências nas medidas de controlo de acesso e permanência de espetadores ao não impedir que se introduzissem e posteriormente se acendessem nove tochas no interior do recinto".

Esta decisão surge dois dias depois de a UEFA ter anunciado a abertura de um inquérito pelos incidentes registados durante o jogo que o Benfica venceu por 2-1, prometendo conclusões para 15 de outubro, numa reunião da Comissão de Controlo, Ética e Disciplina.

O Benfica é visado por "distúrbios de adeptos, lançamento de objetos e tochas", enquanto o Atlético de Madrid será julgado pelo "bloqueio de escadas" do estádio Vicente Calderón.

No minuto 36 do jogo, poucos momentos depois de o Benfica ter feito o empate (1-1), adeptos "encarnados" acenderam tochas e lançaram algumas sobre seguidores "colchoneros" instalados num anel inferior das bancadas.

Lusa

  • "Não vou ceder, não vou render-me, não vou desistir da candidatura"
    2:02
  • Obama, Presidente francês?
    1:55

    Mundo

    A resposta é óbvia, mas não demoveu quatro franceses, descontentes com os candidatos às Presidenciais no seu país. A ideia começou como brincadeira, mas já recolheu 43 mil assinaturas. 

  • Trump apanhado a ensaiar no carro
    1:08
  • Mulheres democratas de branco para mostrar que não abdicam dos diretos conquistados

    Mundo

    Uma "mancha branca" sobressaiu esta terça-feira no Congresso norte-americano, durante o primeiro discurso de Donald Trump. A maioria das 66 mulheres representantes e delegadas do Partido Democrata vestiram-se de branco, num ato simbólico a fazer recordar o movimento sufragista feminino, que encorajava as apoiantes a vestirem-se de branco. Tal como então, a cor da pureza foi agora recuperada, desta feita para mostrar a Trump que as mulheres não abdicam dos direitos conquistados no início do século XX.

  • Treinador do "The Biggest Loser" teve ataque cardíaco

    Mundo

    Foi o próprio Bob Harper que partilhou a notícia no seu Instagram. O ex-treinador do famoso programa de televisão sofreu um ataque cardíaco enquanto treinava no ginásio. Esteve oito dias internado mas, felizmente, já está em casa a recuperar.

  • Prisões recebem manual para lidar com fugas
    2:07

    País

    O Governo vai fazer o maior investimento de sempre nos serviços prisionais. São 2.600 milhões de euros para reforçar a segurança nas prisões. Entretanto. já foi distribuído um manual de procedimentos em caso de fuga.