sicnot

Perfil

Desporto

Marco Silva refere sucesso do Olympiacos como resultado de "trabalho árduo"

O treinador português do Olympiacos, Marco Silva, afirmou hoje que o facto de equipa grega estar a um ponto da qualificação para os 'oitavos' da Liga dos Campeões de futebol se deve a "trabalho árduo".

(Arquivo)

(Arquivo)

© Ina Fassbender / Reuters

A par do Bayern de Munique, com nove pontos, na liderança do Grupo F, a equipa grega venceu hoje venceu o Dínamo de Zagreb por 2-1 e deu um passo importante para a fase seguinte, contrariando a ideia de que os alemães e o Arsenal "eram os favoritos quando a prova começou", referiu o técnico, após o encontro.

"Talvez tenhamos surpreendido muita gente, mas lutámos em todos os jogos para os resultados aparecerem", afirmou Marco Silva.

Segundo o técnico, a equipa grega "sabe sofrer quando tem que o fazer", sendo que a posição em que se encontra "é o resultado de trabalho árduo".

Com quatro portugueses em jogo, o Olympiacos deu a volta a uma desvantagem ao intervalo (golo do bósnio Hodzic, aos 21) para ganhar por 2-1, graças a um bis do colombiano Felipe Pardo (65 e 90), ex-Sporting de Braga.

Pardo entrou aos 64 minutos, para o lugar do português Hernâni, para resolver um jogo que parecia mal encaminhado para o emblema grego. Os lusos em ação pelo Kiev foram Eduardo, Gonçalo e Paulo Machado, todos titulares.

Dínamo de Zagreb e Arsenal são terceiro e quartos classificados, respetivamente, ambos com três pontos apenas.

Lusa

  • Outros casos de fuga de prisões portuguesas
    2:58

    País

    Nos últimos cinco anos, 52 reclusos fugiram de cadeias portuguesas, mas foram todos recapturados. Entre 1999 e 2009, fugiram oito reclusos da prisão de Caxias. Em 2005, um homem condenado a 21 anos de prisão fugiu de Coimbra, viajando por França e pela Polónia. Manuel Simões acabou por ser detido no regresso a Portugal.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Táxi capaz de sobrevoar filas de trânsito ainda este ano no Dubai

    Mundo

    É o sonho de muitos que passam horas intermináveis em filas de trânsito. Trata-se de um drone com capacidade para transportar pessoas. "Operações regulares" deste insólito aparelho terão início em julho, no Dubai. O anúncio foi feito pela entidade que gere os transportes da cidade. Apenas um passageiro, com o peso máximo de 100 kg, pode seguir viagem neste táxi revolucionário, capaz de sobrevoar vias congestionadas pelo trânsito.