sicnot

Perfil

Desporto

UEFA condena Dínamo Kiev a dois jogos à porta fechada

O Dínamo Kiev, adversário do FC Porto na Liga dos Campeões de futebol, foi esta quarta-feira condenado pelo órgão disciplinar da UEFA a disputar dois jogos à porta fechada, podendo aumentar para três caso reincida nos próximos três anos.

O Dínamo Kiev começa a cumprir a pena na receção ao Maccabi Telavive, a 9 de dezembro, em jogo da sexta jornada da Champions. (Arquivo)

O Dínamo Kiev começa a cumprir a pena na receção ao Maccabi Telavive, a 9 de dezembro, em jogo da sexta jornada da Champions. (Arquivo)

© Gleb Garanich / Reuters

Em causa estão as ocorrências registadas no terceiro jogo do Grupo G da Liga dos Campeões, que opôs o Dínamo Kiev ao Chelsea (0-0), nomeadamente, segundo o Comité de Controlo, Ética e Disciplinar da UEFA, comportamento racista dos adeptos ucranianos, distúrbios entre o público e bloqueio de acessos.

"O Dínamo Kiev foi condenado a disputar os seus próximos três jogos das competições da UEFA como anfitrião à porta fechada. O terceiro jogo fica suspenso por um período probatório de três anos", lê-se no comunicado da UEFA, acrescentando que o emblema dos portugueses Miguel Veloso e Antunes foi também multado em 100.000 euros.

O Dínamo Kiev começa a cumprir a pena na receção ao Maccabi Telavive, a 9 de dezembro, em jogo da sexta jornada da Champions.

O campeão ucraniano, que ocupa o terceiro lugar da 'poule' com oito pontos, menos dois do que FC Porto e Chelsea, já defrontou duas vezes os 'dragões', tendo vencido no Porto, por 2-0, na terça-feira, e empatado em Kiev, 2-2, em 16 de setembro.

Este ano, o campeão ucraniano já tinha sido multado em 15.000 euros pela UEFA por comportamento racista dos seus adeptos no jogo da Liga Europa frente ao Everton, bem como pelo lançamento de tochas e organização insuficiente, tendo, na altura, determinado o encerramento parcial do estádio na primeira mão dos quartos de final da Liga Europa, frente à Fiorentina.

Lusa

  • "Só numa ditadura é possível tentar esconder o número de vítimas"
    0:51

    Tragédia em Pedrógão Grande

    O primeiro-ministro diz que é "lamentável" a tentativa de aproveitamento político à volta dos incêndios. António Costa esteve esta quarta-feira à tarde na Autoridade Nacional de Proteção Civil e, no final do briefing, disse que é preciso confiança nas instituições do Estado. O primeiro-ministro deixou ainda muitas críticas à oposição no caso da lista de vítimas de Pedrógão Grande.

  • Sociedade de Pneumologia recomenda cuidados com calor e incêndios

    País

    A Sociedade Portuguesa de Pneumologia (SPP) alertou esta quarta-feira para os riscos respiratórios decorrentes dos incêndios e temperaturas elevadas, sobretudo para quem sofre de doenças crónicas, propondo medidas preventivas e recordando o aumento de mortalidade associado ao calor.

  • E os 10 mais ricos de Portugal são...

    Economia

    A família Amorim lidera a lista dos mais ricos do país, com uma fortuna avaliada em 3840 milhões de euros. Em segundo lugar surge Alexandre Soares dos Santos com 2532 milhões de euros. A família Guimarães de Mello ainda entra para o top 3, com um valor de 1471 milhões de euros. A lista foi elaborada pela revista EXAME, que conclui que os ricos estão ainda mais ricos, pela quarta vez consecutiva.

    Bárbara Ferreira

  • "Estou grávida! Estou a morrer!"
    1:14
  • Mulher vive sozinha numa ilha há 40 anos

    Mundo

    Zoe Lucas é a única pessoa a viver numa ilha canadiana, no norte do Atlântico. Nas últimas quatro décadas, a mulher de 67 tem partilhado a ilha Sable com cerca de 400 cavalos selvagens e 350 espécies de pássaros.