sicnot

Perfil

Desporto

Benfica-Zenit na Liga dos Campeões

O Benfica vai enfrentar nos oitavos de final da Liga dos Campões os russos do Zenit, de André Villas-Boas, o cabeça de série teoricamente menos complicado, reeditando o confronto de 2011/12, que, então, ultrapassou.

Benfica e Zenit volta a encontrar-se na "Champions" depois de terem disputado a fase de grupos na época passada

Benfica e Zenit volta a encontrar-se na "Champions" depois de terem disputado a fase de grupos na época passada

© Rafael Marchante / Reuters

O primeiro encontro realiza-se no Estádio da Luz, em Lisboa, a 16 de fevereiro de 2016, e a segunda em São Petersburgo, a 9 de março.

Os jogos dos oitavos-de-final:

  • Gent (Bel) x Wolfsburgo (Ale)
  • Roma (Ita) x Real Madrid (Esp)
  • Paris Saint-German (Fra) x Chelsea (Ing)
  • Arsenal (Ing) x Barcelona (Esp)
  • Juventus (Ita) x Bayern (Ale)
  • PSV Eidhoven (Hol) x Atlético Madrid (Esp)
  • Benfica (Por) x Zenit (Rus)
  • Dynamo Kiev (Ucr) x Man. City (Ing)

Há quatro anos, os encarnados perderam por 3-2 em St. Petersburgo, mas corrigiram na Luz, com um triunfo por 2-0, selado com tentos do agora portista Maxi Pereira e de Nelson Oliveira, que joga emprestado no Nottingham Forest.

Depois desse duelo, os dois clubes já se voltaram a encontrar, na fase de grupos da edição da época passada e, então, os russos levaram a melhor, vencendo na Luz por 2-0 e em São Petersburgo por 1-0, mas falharam ambos os 'oitavos'.

A formação da Luz volta a defrontar o Zenit e reencontra, assim, vários jogadores que passaram pelo clube, como Garay, Javi Garcia e Witsel. Também terá pela frente o ex-portista Hulk e os internacionais portugueses Danny e Luís Neto.

O conjunto russo foi um dos destaques da fase de grupos, ao vencer os primeiros cinco encontros, falhando, já apurado, o pleno na última ronda, ao perder por 2-1 no reduto do Gent, num jogo em que Villas-Boas poupou alguns jogadores.

O Zenit dominou por completo o Grupo H, muito por culpa também da crise de Valência (nono na Liga espanhola) e Lyon (sexto na Liga francesa), equipas que acabaram superadas pelos belgas, que seguiram pela primeira vez para os oitavos.

Além dos jogadores que passaram pelo campeonato luso, acima de todos o internacional brasileiro Hulk, o Zenit tem como estrelas o gigante ponta de lança Artem Dzyuba e o médio Oleg Shatov.

Internamente, os comandados de André Villas-Boas, que já anunciou o adeus no final da temporada, estão apenas no sexto lugar do campeonato russo, a sete pontos do líder CSKA Moscovo, após a realização de 18 jornadas.

Será, aliás, nesta posição que o Zenit enfrentará o Benfica, pelo menos na primeira mão, pois a 19.ª ronda do campeonato russo realiza-se apenas a 29 de fevereiro -- deslocação ao reduto do Krasnodar.

Os encarnados seguiram em frente nas duas vezes em que estiveram nos oitavos, pois, em 2005/06, na outra presença, superaram o então detentor do troféu Liverpool, com dois triunfo, por 1-0 na Luz e por 2-0 em Anfield Road.

Por seu lado, o Zenit caiu frente ao Benfica e também face ao Borussia Dortmund, em 2013/14, estando ainda à procura na primeira presença nos quartos.

Com Lusa

  • Passos explica porque se irritou com Costa
    0:42

    Economia

    Depois das imagens em que surgiu visivelmente irritado com António Costa, no último debate quinzenal, Passos Coelho veio agora explicar porquê. Na discussão com o primeiro-ministro, o líder do PSD não gostou que Costa tivesse insinuado que a fuga de 10 mil milhões de euros para offshores tenha ocorrido por inação do Governo anterior.

  • Ferro Rodrigues desvaloriza críticas do CDS
    3:24

    Caso CGD

    Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de receber em público Ferro Rodrigues antes de um almoço com o presidente da Assembleia da República. O Presidente também recebeu a representante do CDS-PP, Assunção Cristas, que foi apresentar queixa de Ferro Rodrigues e da maioria de esqueda em relação à comissão de inquérito da Caixa Geral de Depósitos. Ferro Rodrigues desvalorizou as críticas.

  • Luaty Beirão agredido em manifestação em Luanda
    1:27

    Mundo

    Luanda tem sido palco de várias manifestações contra a forma como está a decorrer o processo eleitoral em Angola. Esta sexta-feira, uma dessas manifestações acabou em confrontos com as autoridades. Entre os manifestantes estava o ativista Luaty Beirão.

  • Regime de Pyongyang nega envolvimento na morte de Kim Jong-nam 
    1:53

    Mundo

    A polícia da Malásia diz que o irmão do líder da Coreia do Norte foi morto com uma arma química. Os investigadores encontraram vestígios de gás VX no corpo de Kim Jong-nam, um gás letal proibido pelas convenções internacionais. O Governo da Coreia do Sul pediu esta sexta-feira ao regime de Pyongyang que admita que está por detrás da morte de Kim Jong-nam mas o mesmo já veio negar o envolvimento no assassinato.