sicnot

Perfil

Desporto

FIFA recusa recurso direto de Platini para Tribunal Arbitral do Desporto

A justiça interna da FIFA recusou hoje conceder a Michel Platini a possibilidade de recorrer ao Tribunal Arbitral do Desporto (TAS) para contestar a suspensão de oito anos de todas as atividades ligadas ao futebol que lhe foi decretada.

O anúncio foi feito em comunicado pelos advogados do francês, que se dizem vítimas de "sabotagem".

"Impedido pela FIFA de recorrer diretamente ao TAS (...), Michel Platini e a sua equipa denunciam uma sabotagem que visa impedir a sua eleição para a presidência da FIFA", pode ler-se.

Para poder recorrer diretamente nesta fase ao TAS, Platini necessitava do acordo da FIFA -- quando receber os fundamentos da sanção que lhe foi decretada, o presidente suspenso da UEFA pode apenas recorrer para a instância de recursos da própria FIFA e aguardar o seu veredito.

A recusa da FIFA em viabilizar o recurso direto ao TAS torna ainda mais remota a possibilidade de Platini se apresentar como candidato à sucessão de Joseph Blatter, nas eleições para a presidência da FIFA agendadas para 26 de fevereiro.

Já hoje, Platini tinha afirmado ser sua intenção "lutar de tribunal em tribunal" contra o que considera "uma injustiça" a que está a ser submetido.

A justiça interna da FIFA condenou na segunda-feira Michel Platini à suspensão por oito anos de todas as atividades ligadas ao futebol por ter recebido um pagamento de 1,8 milhões de euros em 2011 do também suspenso presidente da FIFA, Joseph Blatter, por alegados serviços de consultadoria prestados em 2002.

O pagamento em 2011 por serviços prestados em 2002 foi efetuado com base num contrato oral, de acordo com Platini, um tipo de compromisso aceite na Suíça.

A justiça interna da FIFA considerou ter existido "abuso de posição" e "conflito de interesses" no caso julgado, infrações que levaram à suspensão em tudo semelhante de Joseph Blatter.

"Os membros da comissão de Ética [da FIFA] estão mais empenhados numa questão de calendário - para me impedir de me apresentar a tempo à eleição para a presidência da FIFA -- e na maledicência do que na ética. Não são éticas, são patéticas", afirmou Platini.

A acusação interna da FIFA neste processo começou por pedir o afastamento vitalício da antiga estrela francesa de todas as atividades ligadas ao futebol, mas a acusação de corrupção acabou por não se manter, tanto contra Platini como contra Blatter.

Lusa

  • Ambiente e direitos humanos dominam discurso de Costa na ONU
    2:03

    Mundo

    António Costa defendeu uma diplomacia pela paz. O primeiro-ministro português saiu em defesa da língua portuguesa e da presença do Brasil e da Índia no Conselho de Segurança das Nações Unidas. No discurso na Assembleia Geral da ONU, Costa salientou também o compromisso do país em relação ao multilateralismo e às questões ambientais.

  • "Atrás das Câmaras" em Fátima
    2:48
  • "Só tive tempo de avisar o meu sogro e o meu marido e disse: corram!"
    2:17
  • Furacão Maria volta a ganhar força

    Mundo

    Apesar de ter perdido intensidade, após a passagem por Porto Rico, onde deixou um rasto de destruição, Maria voltou a ganhar força, é agora um furacão de categoria 3. Está a afetar a zona norte de Punta Cana, na República Dominicana com ventos que atingem os 90 km/há e move-se para o noroeste.

  • Drone inglês evita execução do Daesh na Síria
    2:08

    Mundo

    A Força Aérea britânica divulgou esta terça-feira um vídeo que mostra um drone a parar uma execução pública que estaria prestes a acontecer às mãos do Daesh, na Síria. As imagens, apesar de cortadas pelo Ministério da Defesa do Reino Unido, mostram várias pessoas na rua, uma explosão e, depois, a fuga.

  • Como fazer negócios no mercado dos leilões
    7:15
  • "Não toleramos ameaças de ninguém"
    2:13
  • Número de tartarugas marinhas está a aumentar

    Mundo

    O número de tartarugas marinhas está a crescer, levando investigadores a considerar que os esforços para salvar estes animais são uma "história de sucesso da conservação global", indica um estudo divulgado esta quarta-feira.

  • Tubarões vivem mais tempo do que se pensava

    Mundo

    Uma revisão de dados sobre avaliação da idade dos tubarões revela que muitas espécies têm maior longevidade do que se pensava, o que poderá obrigar a uma revisão dos planos de conservação das mais ameaçadas.

  • Como mudar um templo com 135 anos e 2 mil toneladas... de lugar

    Mundo

    Um templo budista do século XIX é um dos mais populares em Xangai, na China. Visitado diariamente por milhares de pessoas, precisava de ser relocalizado para evitar que uma tragédia acontecesse. E mesmo pesando cerca de duas mil toneladas, a missão acabou por se provar possível.