sicnot

Perfil

Desporto

"Falta de motivação" ditou saída de Mourinho do Chelsea, diz Carlo Ancelotti

O treinador de futebol italiano Carlo Ancelotti, que na próxima época vai substituir o espanhol Pep Guardiola no Bayern de Munique, considerou hoje que a "falta de motivação" ditou a saída de José Mourinho do Chelsea.

© Reuters Staff / Reuters

"Quando as coisas vão bem, há o risco de relaxe, quando estão mal, obviamente há uma falta de confiança. O treinador deve manter sempre um bom equilíbrio nesse sentido, elevando os níveis de confiança, principalmente quando as coisas não parecem estar a resultar", disse o técnico transalpino.

O português foi despedido na semana passada, deixando o Chelsea, campeão inglês em título, muito próximo dos lugares de descida, apenas sete meses após ter festejado a conquista do campeonato.

"Foi um pouco por isto que o Mourinho pagou, o facto de a equipa não ter começado como na época anterior, quando tiveram uma tremenda vontade de fazer bem, depois de uma má época. Este ano foi exatamente o oposto: pagou pela falta de motivação entre os jogadores", justificou

Ancelotti também já foi despedido do Chelsea, já que, depois de ter sido campeão em 2010, acabou despedido no fim da época seguinte, na qual terminou em segundo.

Na próxima época, o italiano inicia um vínculo de três anos ao Bayern de Munique, pelo que já anunciou ir aprender alemão.

Lusa

  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.

  • 700 milhões para armamento e equipamento militar
    1:16

    País

    Portugal vai investir nos próximos anos 700 milhões de euros em armas e equipamento militar. Segundo a imprensa de hoje, o objetivo é colocar algumas áreas das Forças Armadas a um nível similar ao dos outros aliados da NATO. É o maior volume de programas de aquisição dos últimos anos e parte das verbas vão beneficiar a indústria portuguesa que fabrica aviões, navios-patrulha, rádios e sistemas de comando e controlo.

  • Princesa Diana morreu há 20 anos. Filhos falam pela 1ª vez da intimidade
    1:15