sicnot

Perfil

Desporto

"Falta de motivação" ditou saída de Mourinho do Chelsea, diz Carlo Ancelotti

O treinador de futebol italiano Carlo Ancelotti, que na próxima época vai substituir o espanhol Pep Guardiola no Bayern de Munique, considerou hoje que a "falta de motivação" ditou a saída de José Mourinho do Chelsea.

© Reuters Staff / Reuters

"Quando as coisas vão bem, há o risco de relaxe, quando estão mal, obviamente há uma falta de confiança. O treinador deve manter sempre um bom equilíbrio nesse sentido, elevando os níveis de confiança, principalmente quando as coisas não parecem estar a resultar", disse o técnico transalpino.

O português foi despedido na semana passada, deixando o Chelsea, campeão inglês em título, muito próximo dos lugares de descida, apenas sete meses após ter festejado a conquista do campeonato.

"Foi um pouco por isto que o Mourinho pagou, o facto de a equipa não ter começado como na época anterior, quando tiveram uma tremenda vontade de fazer bem, depois de uma má época. Este ano foi exatamente o oposto: pagou pela falta de motivação entre os jogadores", justificou

Ancelotti também já foi despedido do Chelsea, já que, depois de ter sido campeão em 2010, acabou despedido no fim da época seguinte, na qual terminou em segundo.

Na próxima época, o italiano inicia um vínculo de três anos ao Bayern de Munique, pelo que já anunciou ir aprender alemão.

Lusa

  • Incêndios em Portugal - um mês depois
    9:10

    Reportagem Especial

    Regressar a casa para refazer a vida é tudo o que querem as famílias a quem o fogo levou quase tudo, há cerca de um mês. Contudo, esse regresso não tem sido fácil. Depois dos incêndios, famílias e empresas ainda têm de vencer as burocracias. A Reportagem Especial deste sábado regressa a Seia, onde arderam mais de 70 casas de primeira habitação e onde a vida de muitos parece ter entrado num impasse.

  • Caixa multibanco assaltada em Portugal a cada dois dias
    2:43

    País

    O semanário Expresso conta que a mulher que morreu vítima de um disparo de agentes da PSP foi atingida pelas costas. O caso está a ser investigado pela PJ, que procura encaixar as peças da noite que acabou com uma morte inocente mas que começou com uma perseguição a um grupo de assaltantes de um multibanco. Assaltos que são cada vez mais comuns e que preocupam o Governo. A cada dois dias, uma caixa é assaltada.

  • Metro de Lisboa vai reduzir consumo de água

    País

    O Metro de Lisboa colocou em prática um programa para reduzir o consumo de água devido à situação de seca em Portugal, respondendo assim ao apelo do Ministério do Ambiente, segundo um comunicado divulgado este sábado.