sicnot

Perfil

Desporto

Justiça suíça bloqueia 73 M€ no âmbito do escândalo de corrupção na FIFA

A Justiça suíça anunciou hoje ter bloqueado cerca de 73 milhões de euros de 13 contas bancárias, na sequência do pedido de auxílio judiciário à investigação norte-americana em curso aos alegados crimes de corrupção na FIFA.

© Ruben Sprich / Reuters

Numa nota à imprensa, o Departamento Federal de Justiça suíço refere que já enviou os documentos bancários solicitados pelo ministério público dos Estados Unidos, que investiga a corrupção na FIFA.

O comunicado refere que, com o envio dos documentos para a justiça norte-americana, estão criados os meios para que esta possa atuar criminalmente contra os altos funcionários da FIFA envolvidos no processo.

Concretamente, existem documentos referentes a contas bancárias na Suíça, que terão sido utilizadas para o pagamento de subornos para a concessão de direitos de transmissão em torneios na América Latina e nos Estados Unidos.

No início do mês, as autoridades norte-americanas acusaram 16 antigos dirigentes de futebol na América Latina de vários casos de suborno no âmbito dos direitos de televisão e de 'marketing' de jogos organizados pela FIFA.

Estas acusações foram tornadas públicas a 03 de dezembro, no mesmo dia em que a polícia suíça deteve dois vice-presidentes da FIFA em Zurique, o hondurenho Alfredo Hawit e o paraguaio Juan Angel Napout.

A FIFA foi abalada por um escândalo de corrupção em maio, a dois dias da reeleição de Joseph Blatter como presidente do organismo máximo do futebol mundial, num processo aberto pela justiça dos Estados Unidos e que levou à acusação de 14 dirigentes e ex-dirigentes.

Lusa

  • "Hoje vi chover lume"
    3:57
  • A Minha Outra Pátria
    29:53
  • Milhares de clientes da CGD vão pagar quase 5€/ mês por comissões de conta
    1:24

    Economia

    Milhares de clientes da Caixa Geral de Depósitos (CGD), que até aqui estavam isentos de qualquer pagamento, vão começar a pagar quase 5 euros por mês por comissões de conta. A medida abrange também reformados e pensionistas e entra em vigor já em setembro. Ainda assim, os clientes com mais de 65 anos e uma pensão inferior a 835 euros por mês continuam isentos.

  • O apelo da adolescente arrependida de ir lutar pelo Daesh

    Daesh

    Uma adolescente alemã que desapareceu da casa dos pais, no estado da Saxónia, esteve entre os vários militantes do Daesh detidos este fim de semana na cidade iraquiana de Mossul. Arrependida do rumo que deu à sua vida, deixou um apelo emocionado em que expressa, repetidamente, a vontade de "fugir" e voltar para casa.

    SIC