sicnot

Perfil

Desporto

Vítor Pereira participa das declarações de Bruno de Carvalho

O presidente do Conselho de Arbitragem (CA) da Federação Portuguesa de Futebol, Vítor Pereira (FPF), participou esta segunda-feira ao Conselho de Disciplina das declarações do líder do Sporting, Bruno de Carvalho, sobre a arbitragem.

"Vou relembrar os sportinguistas que este foi o árbitro que arbitrou o primeiro jogo que assisti como presidente, o Sporting B-Benfica B, em Rio Maior. Foi o árbitro que inventou expulsões, passou penáltis para livres, um dos piores árbitros que eu já vi que veio parar, de repente, à primeira divisão e a arbitrar jogos do Sporting. Não faz sentido nenhum", referiu, na altura, o presidente dos leões. (Arquivo)

"Vou relembrar os sportinguistas que este foi o árbitro que arbitrou o primeiro jogo que assisti como presidente, o Sporting B-Benfica B, em Rio Maior. Foi o árbitro que inventou expulsões, passou penáltis para livres, um dos piores árbitros que eu já vi que veio parar, de repente, à primeira divisão e a arbitrar jogos do Sporting. Não faz sentido nenhum", referiu, na altura, o presidente dos leões. (Arquivo)

SIC

"Várias declarações na imprensa atribuídas a Bruno de Carvalho foram entregues por Vítor Pereira ao Conselho de Disciplina da FPF, que averiguará se há matéria para sanções", disse à agência Lusa fonte oficial do Conselho de Arbitragem.

Em causa estarão as duras críticas de Bruno de Carvalho ao árbitro Luís Ferreira, que dirigiu na sexta-feira o jogo, em Alvalade, entre o Sporting e o Tondela, que abriu a 18.ª jornada da I liga e que terminou empatado 2-2.

No final do jogo, durante o qual Bruno de Carvalho recebeu ordem de expulsão, o presidente do Sporting dirigiu-se à zona mista do estádio para deixar duras críticas ao trabalho do árbitro da Associação de Futebol de Braga.

"Vou relembrar os sportinguistas que este foi o árbitro que arbitrou o primeiro jogo que assisti como presidente, o Sporting B-Benfica B, em Rio Maior. Foi o árbitro que inventou expulsões, passou penáltis para livres, um dos piores árbitros que eu já vi que veio parar, de repente, à primeira divisão e a arbitrar jogos do Sporting. Não faz sentido nenhum", referiu na altura.

Para Bruno de Carvalho, no lance da grande penalidade que deu origem ao primeiro golo do Tondela e motivou a expulsão do guarda-redes Rui Patrício, o avançado brasileiro Nathan Júnior "já está em queda, não toca na bola, agarra-se à perna e quando vê penálti larga-a e faz sinal de que conseguiu".

"O Sporting sai daqui com menos um jogador e menos dois pontos", lamentou o presidente do Sporting, que culpou quem "semana após semana divulga as notas negativas dos árbitros em vitórias do Sporting".

Com 18 jornadas disputadas, o Sporting continua a liderar o campeonato, com 45 pontos, mais dois que o Benfica e cinco que o FC Porto.

Lusa

  • Negócios do Fogo
    22:00
  • Direção da Raríssimas na Madeira demitiu-se em setembro
    1:58

    País

    Três representantes da Raríssimas na ilha da Madeira demitiram-se, em setembro, de costas voltas para a direção. A delegação da instituição na ilha começou em 2015 e fechou com as três demissões. Em entrevista à SIC, uma das antigas delegadas afirmou que todos os fundos angariados foram para a sede, em Lisboa, ficando depois sem dinheiro para pagar as despesas.

  • Deputado do PSD recusa vice-presidência da Raríssimas
    1:58

    País

    Nas reações políticas ao caso da Raríssimas, o PSD e CDS dizem que é preciso acionar todos os mecanismos legais apropriados para averiguar a situação. O deputado social-democrata, Ricardo Baptista Leite, que tinha sido convidado recentemente para vice-presidente da instituição, diz que já não há condições para tomar posse.

  • Turistas aproveitam nevão na Serra da Estrela
    1:23
  • Fortes nevões no norte da Europa
    0:59
  • Dezenas de feridos em protestos contra decisão de Trump em Israel
    1:55
  • A brincadeira de um youtuber que podia ter acabado mal

    Mundo

    Um jovem youtuber inglês enfiou a cabeça num saco de plástico, prendeu-a na parte interna de um microondas e encheu depois o eletrodoméstico com cimento. A brincadeira, que podia ter acabado de forma trágica, deixou o jovem completamente preso e obrigou à intervenção dos serviços de emergência.

    SIC

  • "Popeye" russo pode ter que amputar braços

    Mundo

    Um jovem russo injetou um óleo no corpo para conseguir ter músculos, mais propriamente nos seus braços, que já cresceram cerca de 25 centímetros. Contudo, segundo um médico, o procedimento pode levar à necessidade de amputação, deixando o jovem sem os membros.