sicnot

Perfil

Desporto

FC Barcelona vence em Málaga e assume liderança provisória em Espanha

Um FC Barcelona desfalcado sofreu hoje para vencer na visita ao Málaga, por 2-1, que lhe vale, provisoriamente, a liderança isolada da liga espanhola de futebol, à 21.ª jornada.

JORGE ZAPATA

Sem Neymar e os defesas Piqué, Jordi Alba e Dani Alves, os catalães até começaram bem, com prematuro golo do jovem avançado Munir (dois minutos), que só teve de empurrar junto à linha de golo, após trabalho do uruguaio Luis Suárez.

Com Duda (entrou apenas aos 82) e Ricardo Horta no banco, o Málaga pressionava alto, provocou muitos passes errados ao rival e viu a sua atitude recompensada aos 32, recuperando a bola à defesa adversária em lance empatado por Juanpi (1-1).

O segundo tempo foi menos intenso, ainda assim o génio de Lionel Messi (52), em remate acrobático, voltou a fazer a diferença, apontando o golo que devolvia ao Barcelona a liderança, que seria definitiva.

Perante um Barcelona agora de contra-ataque, o Málaga tentou forçar o empate, mas revelou-se impotente para ser bem-sucedido.

Com este resultado, o Barcelona, que tem um jogo a menos, lidera com 48 pontos, mais um do que o Atlético de Madrid que domingo recebe o Sevilha, enquanto o Real Madrid, terceiro com 43, visita o Bétis.

Lusa

  • Braga perde com Shakhtar e fica fora dos 16 avos de final da Liga Europa
    3:16
  • Ronaldo não está preocupado com repercussões de eventual fuga fiscal
    1:30

    Football Leaks

    Cristiano Ronaldo diz que quem não deve não teme. O avançado português não se mostra preocupado com as notícias que revelam que o jogador não terá declarado os rendimentos da publicidade ao fisco espanhol. Fontes do Ministério das Finanças do país vizinho confirmaram ao jornal El Mundo que o português está a ser investigado há ano e meio.

  • Cerca de 150 civis doentes retirados de Alepo

    Mundo

    Cerca de 150 civis, a maioria doentes ou deficientes, foram retirados na noite de quarta-feira para quinta-feira de um centro de saúde de Aleppo, na parte mais antiga da cidade tomada pelo exército sírio, anunciou a Cruz Vermelha internacional.

  • Dissolução da União Soviética aconteceu há 25 anos

    Mundo

    Assinalam-se esta quinta-feira 25 anos desde o fim do acordo que sustentava a União Soviética. A crise começou em 80, mas aprofundou-se nos anos 90 com a ascensão de movimentos nacionalistas em praticamente todas as repúblicas soviéticas.