sicnot

Perfil

Desporto

Nápoles, Juventus e Fiorentina com vitórias na Liga italiana

O Nápoles manteve esta quarta-feira a vantagem de dois pontos para a Juventus no comando da Liga italiana de futebol, numa 23ª jornada em que a Fiorentina de Paulo Sousa venceu o aflito Carpi já nos descontos.

© Giampiero Sposito / Reuters

O argentino Gonçalo Higuaín (24) e o espanhol José Gallejón (27) resolveram em pouco tempo as dificuldades dos napolitanos na visita à Lazio, que iniciou a ronda no oitavo lugar e assim perdeu folego na corrida à Europa.

Este desafio esteve interrompido durante vários minutos face a insultos racistas dirigidos ao defesa senegalês Kalidou Koulibaly: o árbitro Massimiliano Irrati juntou os futebolistas de ambas as equipas para uma conversa e o desafio prosseguiria minutos depois, com o visado em campo.

A Juventus sofreu para vencer o Génova por 1-0, com o único tento a ser obtido em autogolo do defesa francês Sebastian De Maio (30).

O Nápoles comanda com 53 pontos, mais dois do que a Juventus e mais oito do que a Fiorentina, que só aos 90+3, com golo do avançado argentino Mauro Zárate, se impôs ao aflito Carpi, depois de golo prematuro do espanhol Borja Valero ter sido contrariado pelo tento de Kevin Lasagna (73).

A um ponto continua o Inter, que venceu o Chievo por 1-0, com golo do argentino Mauro Icardi (48).

A jornada ficou ainda marcada pelo triunfo do AC Milan por 2-0 na visita ao Palermo, mantendo-se assim na corrida às competições europeias, bem como o êxito do aflito Frosinone sobre o Bolonha (1-0).

Lusa

  • 2,1%. As reações ao défice de 2016

    Economia

    O défice orçamental ficou mesmo nos 2,1% do PIB. Os partidos já reagiram àquele que é o valor mais baixo em democracia.

  • Comboios Alfa vão ter bancos com tomadas elétricas e wi-fi
    2:06
  • Novas imagens dos momentos após Khalid Masood ter embatido no muro do Parlamento britânico
    1:35
  • Nus e acorrentados em frente a Auschwitz

    Mundo

    Catorze pessoas com idades entre os 20 e os 27 anos despiram-se e acorrentaram-se em frente ao portão de Auschwitz, antigo campo de concetração nazi na Polónia, depois de terem degolado um carneiro. Ninguém sabe ainda porquê.

  • A coleção de gerigonças de Ana Catarina Mendes
    1:51
  • Parlamento português pede demissão de Dijsselbloem

    País

    A Assembleia da República foi hoje unânime na condenação das polémicas declarações do presidente do Eurogrupo, mas recusou um ponto pela rejeição de diversos compromissos com a União Europeia (UE) exigida pelo PCP.

  • Probido fumar na praia? Não-fumadores aplaudem ideia
    1:33
  • Viaduto de Alcântara condicionado
    1:36

    País

    O viaduto de Alcântara, em Lisboa, continua com o trânsito condicionado mas apenas sobre o tabuleiro e no sentido Alcântara Terra - Alcântara Mar. A circulação só será reposta depois de uma nova vistoria, ainda sem data marcada.

  • Como se resolve a falta de espaço numa cidade chinesa?
    1:07