sicnot

Perfil

Desporto

"Hat-trick" de Messi e novo recorde do FC Barcelona

O FC Barcelona, com um "hat-trick" de Lionel Messi, manteve hoje uma "confortável" vantagem na liderança do campeonato espanhol de futebol, com uma goleada no terreno do Rayo Vallecano, por 5-1, no encontro que fechou a 27.ª jornada.

© Reuters Staff / Reuters

Em Vallecas, os campeões espanhóis não só reforçaram o primeiro lugar, como também se tornaram na primeira equipa espanhola a somar 35 jogos seguidos sem perder competições oficiais, depois de ter igualado os 34 que Real Madrid alcançou na época de 1988/89.

A ronda deixou tudo igual no topo do campeonato espanhol, com os catalães a continuarem a ter oito pontos de diferença para o Atlético Madrid, segundo classificado, e 12 em relação ao Real Madrid, terceiro e praticamente afastado da luta pelo título.

No terreno do 16.º classificado da prova, o argentino Lionel Messi terminou o jogo com três golos, alcançados aos 23, 53 e 72 minutos, enquanto o croata Rakitic abriu a contagem para o FC Barcelona, aos 22, e o turco Arda Turan fechou-a, aos 86.

A formação de Luis Enrique ainda se deu ao 'luxo' de desperdiçar uma grande penalidade, através do uruguaio Luis Suárez, aos 69 minutos, num encontro em que o Rayo Vallecano terminou com menos duas unidades, devido às expulsões com vermelho direito de Llorente e Iturra, aos 42 e 67.

O golo de honra da equipa da casa foi alcançado pelo angolano Manucho, aos 57 minutos, num lance com assistência do português Bebé, que foi titular.

Com Ricardo Costa e Miguel Lopes no 'onze', o Granada abandonou a zona de despromoção com um triunfo caseiro sobre o Sporting Gijon, por 2-0, enquanto o Bétis foi ao campo do Espanyol vencer contundentemente por 3-0 e ficou cinco pontos acima dos lugares de descida.

Lusa

  • Sporting de Braga eliminado da Liga Europa
    2:01
  • Explosão no Cairo faz seis mortos

    Mundo

    Seis pessoas morreram hoje numa explosão junto a um posto de controlo da polícia no Cairo, indicaram os meios de comunicação social e responsáveis egípcios.