sicnot

Perfil

Desporto

José Couceiro pede bom senso nos possíveis processos contra ex-dirigentes do Sporting

José Couceiro, antigo candidato à presidência do Sporting, sublinhou que é preciso "bom senso" na abordagem aos possíveis processos movidos a antigos dirigentes dos verde e brancos, salientando que o foco "tem de ser a equipa de futebol".

ALEXANDROS VLACHOS

"Acho que neste momento é importante que haja alguma tranquilidade até ao final da época, há aqui questões que já o disse não estou completamente por dentro, mas também não concordo com determinado tipo de procedimentos. Penso que tem de haver aqui algum bom senso, algum equilíbrio e discutir as questões nos sítios certos e não em termos públicos", afirmou à margem do Fórum do treinador de futebol e futsal, que termina hoje, em Setúbal.

Apesar de pedir reserva neste tema, Couceiro vincou que as pessoas visadas no tema "se irão pronunciar".

"A seu tempo todos se irão pronunciar sobre estas questões. Ficar no ar a suspeição sobre pessoas que têm um percurso de seriedade, acho que têm de o esclarecer", disse.

Sobre o aspeto desportivo, Couceiro sublinhou que o campeonato está em aberto, colocando o Sporting como a equipa que "tem apresentado melhor qualidade".

"O campeonato está em aberto, o Sporting tem de pensar um jogo de cada vez, a estrelinha de campeão procura-se. Neste momento, acho que não vou exagerar ao dizer que, dos três grandes, o que tem apresentado melhor qualidade tem sido o Sporting. Tem de haver um equilíbrio, ainda falta muito tempo até ao fim do campeonato", concluiu.

Lusa

  • O que vai mudar nos recibos verdes
    2:55

    Economia

    Os trabalhadores independentes vão descontar menos para a Segurança Social já no próximo ano. A taxa vai descer dos 29,6% por cento para os 21,4%. A descida será compensada por um aumento das contribuições pagas pelos patrões. Há também alterações em caso de desemprego e o subsídio de doença passa a ser pago ao fim de 10 dias em vez de 31.

  • Tripulantes da TAP acusam companhia de desrespeitar compromissos
    3:16

    Economia

    O Sindicato que representa os tripulantes da TAP acusa a empresa de estar a violar a lei. A companhia aérea portuguesa denunciou unilateralmente o acordo de empresa com os tripulantes e apresentou novas condições, que o sindicato considera indignas. Diz que os tripulantes fizeram esforços pela companhia no verão e que agora estão a ser desrespeitados.

  • Erdogan apela ao reconhecimento de Jerusalém Oriental como capital
    2:01
  • Bebé nasce com coração fora do peito e sobrevive
    2:06
  • Zapatou volta a eleger os melhores vídeos da internet
    6:28