sicnot

Perfil

Desporto

Callejas assume-se culpado de extorsão e fraude no escândalo de corrupção da FIFA

O antigo presidente das Honduras, Rafael Callejas, assumiu-se hoje como culpado face às acusações de conspiração para prática de extorsão e fraude económica relacionada com o escândalo de corrupção da FIFA.

© Jorge Cabrera / Reuters

O dirigente de 72 anos, que tem estado sob fiança nos Estados Unidos desde que deixou Honduras no final do ano passado para enfrentar a justiça, conhecerá a sentença a 05 de agosto.

As duas acusações correspondem a uma pena máxima de 20 anos de prisão.

"Culpado", disse Callejas em resposta a uma interpelação do juiz Robert Levy, de um tribunal federal norte-americano em Brooklyn, falando pausadamente em inglês fluente, com sotaque norte-americano, vestido com um fato escuro.

Callejas, que serviu como presidente de Honduras entre 1990 e 1994 e foi presidente da federação de futebol do país até agosto de 2015, enfrentava oito acusações norte-americanas de extorsão, fraude e lavagem de dinheiro na sequência das investigações das autoridades norte-americanas.

O ex-presidente hondurenho concordou, no âmbito do apelo feito pelo juiz, em pagar 650 mil dólares (580 mil euros), dos quais 180 mil (160 mil euros) a serem pagos dentro de uma semana e o restante no prazo de doze meses.

Lusa

  • 10 Minutos com Eurico Reis
    11:20

    10 Minutos

    Há quatro meses que Portugal é um dos poucos países europeus onde é possível recorrer à gestação de substituição. E há já um casal que teve luz verde para começar os tratamentos. Para um balanço, foi nosso convidado Eurico Reis, juiz desembargador e presidente do Conselho Nacional de Procriação Medicamente Assistida, a entidade que autoriza os processos de gestação de substituição.

    Entrevista completa

  • Parlamento discute utilização de animais no circo
    2:01
  • Seis meses depois da tragédia de Pedrógão Grande
    5:55

    Tragédia em Pedrógão Grande

    Assinalou-se este domingo meio ano desde que o país ficou em choque com o rasto de morte e destruição causado pelos incêndios florestais na região centro. A tragédia de Pedrogão Grande foi há precisamente seis meses. Enquanto segue a reconstrução no tempo possível e com o Natal à porta, a vida prossegue, mas não voltará a ser mesma.

  • A inédita entrevista do príncipe Harry a Barack Obama
    0:47

    Mundo

    Foi divulgado um vídeo pouco habitual em que aparece o príncipe Harry a entrevistar Barack Obama para um programa de rádio. A conversa foi gravada em setembro, durante um evento desportivo para militares com deficiência, e será transmitida na íntegra no dia 27 de dezembro.