sicnot

Perfil

Desporto

Federação italiana de futebol entrega prémio Bearzot a Claudio Ranieri

O treinador do Leicester, Claudio Ranieri, foi hoje escolhido para receber o prémio Bearzot, patrocinado pela Federação Italiana de Futebol (FIGC), em homenagem ao selecionador campeão do mundo com a Itália no Mundial82, Enzo Bearzot.

© Reuters Staff / Reuters

O técnico, que lidera a I Liga inglesa com o Leicester, foi escolhido pelo presidente da Federação italiana, Carlo Tavecchio, e pelos representantes dos principais órgãos de comunicação transalpinos, como vencedor da sexta edição daquele galardão.

"Ranieri foi eleito por ter confirmado esta temporada as suas extraordinárias capacidades de mestre do futebol e incansável motivador, demonstrando como um grupo unido pode alcançar resultados importantes, mesmo sem jogadores considerados de topo", destacou o júri que o elegeu em comunicado.

Ranieri é o sexto vencedor do prémio Bearzot, depois de Cesare Maldini (2011), Walter Mazzari (2012), Vincenzo Montella (2013), Carlos Ancelotti (2014) e Massimiliano Allegri (2015).

Durante o evento, Tavecchio propôs a criação de um galardão dedicado a Cesare Maldini, que faleceu no domingo, e que foi o adjunto de Bearzot no Mundial de 1982, em Espanha.

Lusa

  • Debate quinzenal com o primeiro-ministro

    País

    A situação económica e financeira foi o tema escolhido pelo Governo, mas a polémica da descida da Taxa Social Única dominará certamente a discussão na Assembleia da República. Veja aqui em direto e participe no Minuto a Minuto Parlamento Global/SIC.

    Direto

  • MIT quer humanos a ajudar máquinas a decidir (quem morre)

    Mundo

    A "Máquina Moral" é uma plataforma online que recolhe a perspetiva humana em decisões que terão de ser tomadas por uma máquina. Por exemplo, quando um carro sem condutor se depara com o dilema do mal menor: em quem acertar - para evitar outros - num acidente de viação.

  • Daesh transforma drones em bombardeiros 

    Daesh

    As estratégias de combate do Daesh têm vindo a sofrer alterações, bem como a capacidade das forças militares iraquianas para confrontar e derrotar o inimigo. De acordo com o responsável do Exército dos EUA Brett Sylvia, comandante militar no Iraque, a tática mais recente desenvolvida pelo Daesh consiste em usar drones de uso comercial em pequenos bombardeiros, capazes de transportar e lançar granadas.