sicnot

Perfil

Desporto

Príncipe William torce por título de campeão do Leicester

O príncipe William de Inglaterra considera que seria "bom para o desporto" que fosse o Leicester a conquistar o título inglês de futebol, num momento em que os 'foxes' lideram a competição, a seis jornadas do final.

© Stefan Wermuth / Reuters

O príncipe, de 33 anos, um conhecido adepto do Aston Villa, último no campeonato, disse que torce pelo título do Leicester, de acordo com declarações publicadas hoje pelo jornal The Independent.

"Anseio pela conquista do título do Leicester. Penso que seria positivo para o desporto", referiu o príncipe, em declarações na cerimónia do décimo aniversário como presidente honorário da Federação Inglesa de Futebol (FA).

William, o segundo na linha de sucessão ao trono de Inglaterra, a seguir ao pai, o príncipe Carlos, festejou a sua década na FA com uma receção no estádio de Wembley, à qual compareceram o presidente do organismo, Greg Dyke, e o selecionador Roy Hodsgon.

"É alguém que se preocupa com o desenvolvimento e trabalho que fazemos quer na formação, como na seleção principal. Não se limita a ouvir, faz perguntas e dá opinião", referiu Greg Dyke em relação ao monarca.

O Leicester, que lidera o campeonato com mais sete pontos do que o Tottenham, regressou ao escalão à principal há apenas duas épocas e no seu palmarés nunca foi campeão, tendo como melhor registo um segundo lugar, em 1929.

Lusa

  • Cinco anos depois do incêndio na Serra do Caldeirão
    5:24
  • Destaques económicos que marcaram a semana
    2:03

    Economia

    A semana ficou marcada pela tragédia provocada pelos incêndios no centro do país. No entanto importa olhar para o que se passou noutras áreas e fazer um resumo das notícias relacionadas com a economia. 

  • Martin Schulz ataca Merkel a três meses das legislativas

    Mundo

    O social-democrata alemão Martin Schulz passou este domingo à ofensiva, a três meses das eleições legislativas, ao acusar Angela Merkel de "arrogância" e de sabotar a "democracia", quando as sondagens apontam para uma larga vantagem da chanceler da Alemanha.

  • Martha, a cadela mais feia do mundo
    0:42

    Mundo

    A cadela Martha, de raça mastim napolitano ficou em primeiro lugar na edição anual do concurso que elege os cães mais feios do mundo. A cadela tem três anos, pesa 57 quilos e foi resgatada pela dona quando estava praticamente cega. Acabou por recuperar a visão depois de várias operações. Martha e a dona receberam um prémio de 1.500 dólares e uma viagem a Nova Iorque para marcarem presença em programas de televisão.