sicnot

Perfil

Desporto

Ginasta Gustavo Simões qualifica-se para os Jogos Olímpicos

Gustavo Simões apurou-se no sábado para a competição individual de ginástica artística dos Jogos Olímpicos Rio2016, durante o evento teste realizado no Rio de Janeiro, e ampliou para 60 o número de portugueses qualificados.

Carlos Alberto Matos/IMAPRESS

Depois de Gustavo Simões ter sido o primeiro ginasta luso a assegurar presença no Rio, Filipa Martins entra em cena no domingo, na competição individual feminina, em que ficar entre as 24 primeiras é o resultado ambicionado.

O evento teste da ginástica olímpica prossegue depois, até terça-feira, com a qualificação de trampolins, com Diogo Ganchinho, Ana Rente e Diogo Abreu.

A qualificação de Gustavo Simões aconteceu poucos dias após Marcos Freitas e Tiago Apolónia, em masculinos, e Fu Yu, em femininos, terem garantido vagas nos torneios de singulares de ténis de mesa, aguardando-se por um terceiro jogador para completar a equipa masculina, que se apurará pelo 'ranking' de países. A federação lusa terá de optar entre João Monteiro (31.º) e João Geraldo (75.º).

Portugal tem para já 60 atletas confirmados no Rio2016, 18 dos quais no torneio de futebol, número idêntico aos assegurados no atletismo, com Marta Onofre, no salto com vara, e Irina Rodrigues, no lançamento do disco, a serem as últimas a garantirem o apuramento.

Também Ana Cabecinha (20 km marcha), Dulce Félix (maratona e 10.000 m), Filomena Costa (maratona), Inês Henriques (20 km marcha), João Vieira (20 km marcha e 50 km marcha), Miguel Carvalho (50 km marcha), Nélson Évora (triplo salto), Susana Costa (triplo salto), Patrícia Mamona (triplo salto), Pedro Isidro (50 km marcha), Rui Pedro Silva (maratona), Sara Moreira (10.000 m e maratona), Sérgio Vieira (20 km marcha), Susana Feitor (20 km marcha), Vanessa Fernandes (maratona), Vera Santos (20 km marcha), Tsanko Arnaudov (lançamento do peso) e Yazaldes Nascimento (100 m) e Daniela Cardoso (20 km marcha) têm mínimos.

Embora sejam 21 os atletas com mínimos, apenas 18 estarão no Rio2016, já que existem cinco atletas com mínimos na prova de 20 km marcha e outras quatro na maratona, disciplinas cuja quota por nação é limitada a três presenças.

Também a cavaleira Luciana Diniz garantiu uma quota para Portugal na disciplina de saltos de obstáculos, para aqueles que serão os seus terceiros Jogos Olímpicos, depois de ter estado em Atenas2004 pelo Brasil e em Londres2012 por Portugal.

A missão lusa tem também asseguradas presenças no taekwondo, com Rui Bragança, em -58 kg, e no tiro, com uma vaga para as provas de pistola de ar comprimido 10 m e pistola 50 metros assegurada pelo experiente João Costa.

Na canoagem, Portugal também já assegurou seis vagas, enquanto Alexis Santos e Diogo Carvalho são os únicos portugueses, para já, com mínimos na natação, ambos nos 200 metros estilos.

O ciclismo de estrada português garantiu quatro vagas para os Jogos Olímpicos Rio2016 e terá mais um atleta do que em 2012, sendo que um destes quatro atletas participará também no contrarrelógio.

Na vela, a frota portuguesa será composta por Sara Carmo (Laser Radial), Gustavo Lima (Laser), João Rodrigues (RS:X) e a dupla Jorge Lima/José Costa (49er).

Lusa

  • Militar ferido com gravidade em acidente com Pandur
    1:19

    País

    O acidente em Vila Real que envolveu uma viatura militar fez três feridos. Uma das vítimas ficou em estado grave e teve de ser transportada de helicóptero para o Hospital Santo António do Porto. O militar ficou encarcerado no veículo blindado, o que dificultou os trabalhos de socorro.

  • Bebé nasce na Ucrânia com ADN de três pais

    Mundo

    Nasceu a 5 de janeiro, na Ucrânia, uma menina filha de um casal infértil graças à ajuda de uma nova técnica de fertilização in vitro, que conta com a colaboração de uma terceira pessoa. De acordo com o britânico The Times, os médicos utilizaram pela primeira vez um método denominado transferência pronuclear. Esta não é, contudo, a primeira vez que nasce um bebé com ADN de três progenitores.

  • CIA desvenda segredos de quase 50 anos de História

    Mundo

    A CIA publicou online quase 12 milhões de documentos confidenciais. Basta uma ligação à Internet para navegar por entre 50 anos de relatórios outrora secretos. Entre os milhões de páginas, estão documentos sobre um eventual assassínio de Fidel Castro, detalhes sobre os crimes de guerra nazis, relatórios sobre avistamentos de OVNI e um estudo sobre telepatia denominado "Projeto Star Gate".