sicnot

Perfil

Desporto

FIFA reduz pena de Mayne-Nicholls de sete para três anos de suspensão

A Comissão de Recurso da FIFA reduziu de sete para três anos a suspensão imposta ao chileno Harold Mayne-Nicholls, presidente da comissão que avaliou as candidaturas à organização dos Mundiais de futebol de 2018 e 2022.

© Jose Manuel Ribeiro / Reuters

O ex-presidente da Federação Chilena de Futebol foi considerado culpado de ter violado várias normas do código de ética da FIFA, mas recorreu da pena imposta em julho de 2015 pelo Comité de Ética do organismo regulador do futebol mundial, alegando falta de proporcionalidade da sanção.

A Comissão de Recurso da FIFA, que rejeitou o recurso do ex-presidente da Federação Nepalesa de Futebol, Ganesh Thapa, condenado a 10 anos de suspensão por atos de corrupção, considerou que a pena aplicada a Mayne-Nicholls "não foi proporcional aos atos cometidos".

Na qualidade de presidente da comissão que avaliou as candidaturas à organização das próximas duas edições do Campeonato do Mundo, o dirigente chileno foi o autor do documento que deu pior nota ao Qatar, país que acabou por ser escolhido para acolher o torneio em 2022.

O Qatar foi escolhido para ser o anfitrião Mundial de 2022, após quatro votações. Depois das sucessivas eliminações da Austrália, Japão e Coreia do Sul, o Qatar venceu, finalmente, a candidatura dos Estados Unidos, por 14 votos contra oito.

Lusa

  • SAD do Benfica duplica lucros

    Desporto

    O Benfica fechou a época passada com lucros de 44,5 milhões de euros, mais do dobro do registado na época anterior. São os mais elevados de que há registo.

  • Peritos mundiais debatem doenças neurodegenerativas em Lisboa
    3:04
  • "O Benfica é atacado e não há ninguém que fale e que dê a cara?"
    6:05
    O Dia Seguinte

    O Dia Seguinte

    2ªFEIRA 21:50

    Depois do artigo publicado no blog "Geração Benfica", Rui Gomes da Silva reiterou esta segunda-feira, em O Dia Seguinte da SIC Notícias, algumas das críticas à estrutura do clube. O antigo vice-presidente do Benfica defendeu Luís Filipe Vieira, Rui Vitória e Nuno Gomes. E acusou novamente Rui Costa de passividade e os vice-presidentes de não darem a cara. 

  • Governo aconselha pais a fazerem queixa de manuais em mau estado
    2:31
  • Acha que este padre sabe dançar?
    2:22