sicnot

Perfil

Desporto

Platini pode recorrer ao Tribunal Europeu dos Direitos do Homem

O demissionário presidente da UEFA Michel Platini está a estudar a possibilidade de recorrer ao Tribunal Europeu dos Direitos do Homem para contestar a sua suspensão por quatro anos de toda a atividade ligada ao futebol.

© Eric Gaillard / Reuters

De acordo com declarações da sua equipa à AFP, o antigo futebolista francês está "a estudar seriamente, entre as suas possibilidades, recorrer ao Tribunal Europeu dos Direitos do Homem para protestar contra o facto que o impede de trabalhar".

O Tribunal Arbitral do Desporto, a mais alta jurisdição desportiva, reduziu de seis para quatro anos a suspensão de Platini, que foi sancionado pela justiça interna da FIFA pelo envolvimento no escândalo de corrupção que abalou a entidade.

A sanção imposta ao presidente demissionário da UEFA não o permite, por exemplo, comentar jogos ou ter uma crónica num jornal durante o Euro2016 que vai decorrer em França.

Lusa

  • Os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa
    1:55
  • BCE autoriza CGD a avançar com recapitalização

    Caso CGD

    A Caixa Geral de Depósitos informou esta sexta-feira que vai prosseguir com as operações da primeira fase do aumento de capital, depois de ter obtido autorização para isso junto do Banco Central Europeu (BCE) e do Banco de Portugal.

  • Condutores apanhados a mais de 200 em corridas ilegais na Ponte Vasco da Gama
    1:25
  • A história da guerra em Alepo
    7:43
  • Reino Unido em alerta máximo de terrorismo

    Mundo

    O Reino Unido elevou o alerta de terrorismo para o nível máximo depois das declarações, esta quinta-feira, do chefe das secretas britânicas. O diretor do MI6 está preocupado com eventuais ataques contra o Reino Unido e outros aliados.

  • Uma "cidade fantasma" na Letónia
    3:10
  • O anúncio de natal que está a emocionar o mundo
    1:47